Tema é discutido em seminário

Iwwa Agência
Publicado 30/11/2012 02:11:58

A Seduc (Secretaria Municipal da Educação), por meio da Coordenadoria das Ações de Ensino da Orla, realiza nesta sexta-feira (30/11) o seminário sobre Educação do Campo: desafios e possibilidades na prática da sala de aula.

Dentre outros objetivos, a iniciativa visa inserir o Município no debate das esferas estadual e federal sobre o tema e garantir a aplicabilidade do Decreto Federal 7.352/10, que dispõe sobre a política de educação no campo

O seminário acontece até às 17h, na sala de vídeo conferência da Cidade do Saber, com a participação de 70 profissionais da educação. Pela manhã, o coordenador da Superintendência de Educação Profissional da Secretaria Estadual da Educação, Lindomar Araújo, abordou os temas Fundamentos e concepção da educação do campo e As políticas públicas de educação do campo. Conquistas e resultados. Em seguida, foi aberto espaço para debates e relatos de experiências pedagógicas das escolas do território de Barra do Pojuca.   

As atividades foram retomadas às 13h30, com relatos de experiências pedagógicas das escolas dos territórios de Monte Gordo, Arembepe e Abrantes. Em seguida, o Doutor em Educação e Mestre em Geografia, Marcelo Oliveira, ministra a palestra sobre Educação do Campo: em busca de novas finalidades, organização de saberes e práticas docentes.  

De acordo com o secretário da Educação, Luiz Valter de Lima, o debate é muito importante não só pelo ponto de vista teórico, mas pelas possibilidades de desafios. “A educação deve ter arranjos diferentes, que contemplem aspectos culturais de cada localidade”, observa.

A coordenadora das Ações de Ensino da Orla, Kadja Grimaldi, avalia que é importante trazer a discussão da educação do campo para a sala de aula, “para construir uma proposta pedagógica e melhorar ainda mais o processo de ensino e aprendizagem nas escolas da zona rural de Camaçari”, destaca. 

Na avaliação da diretora da Escola Municipal Silvio Pereira Franco, de Catu de Abrantes, Maria Luiza dos Santos, a discussão é pertinente, “uma vez que vai ser trabalhado em sala de aula o cotidiano e a cultura da comunidade em que os alunos estão inseridos”, completa.   

Slideshow | 4 fotos

Tema é discutido em seminário

Mais Notícias

Sedes promove tarde de circo para idosos do Conviver neste sábado (28)

Sedes promove tarde de circo para idosos do Conviver neste sábado (28)

Campanha São João de Prêmios Camaçari 2022 é lançada

Campanha São João de Prêmios Camaçari 2022 é lançada

Sobe para três o número de óbitos suspeitos por dengue hemorrágica em Camaçari

Sobe para três o número de óbitos suspeitos por dengue hemorrágica ...

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.