Secretário debate melhorias na saúde com conselheiros

Iwwa Agência
Publicado 22/02/2017 03:02:12

O secretário da Saúde, Elias Natan participou nesta quarta-feira (22/02) de reunião com os representantes do Conselho Municipal de Saúde de Camaçari. O encontro, que aconteceu no auditório da Secretaria do Governo (Segov), serviu para apresentar ao gestor da pasta uma pauta com vários pontos de melhoria no sistema de saúde pública do Município. Entre eles o novo modelo de marcação de consultas, a distribuição dos medicamentos nas farmácias, o atendimento nas clínicas e o suporte da Secretaria de Saúde (Sesau) ao funcionamento do Conselho.

Reafirmando o compromisso da gestão com o órgão, o secretário Elias Natan falou da melhora no serviço de saúde em todos os âmbitos. “Aos poucos estamos avançando. São muitos os problemas herdados, mas já avançamos nos medicamentos, nas vacinações, nas consultas e em alguns problemas de infraestrutura dos postos. Tenham certeza que não descansaremos enquanto a saúde de Camaçari não estiver a contento. Sobre a situação dos médicos nos postos de saúde, atualmente, temos médicos em todas as 56 equipes. Então, se forem a uma unidade de saúde e não encontrarem médico, por favor, nos informe o quanto antes para tomarmos as medidas necessárias”, salientou.

A diretora da Central de Abastecimento Farmacêutico, Andréia Dias, informou aos conselheiros que a distribuição dos medicamentos já foi regularizada nas farmácias tipo 1 e que até a primeira semana de março também será regularizado nas farmácias tipo 2 e 3. “A demora toda foi a questão orçamentária e os empenhos. Mas, graças a dedicação do Executivo conseguimos fazer os pedidos há duas semanas e agora estamos recebendo os medicamentos”, afirmou.

Também presente na reunião, a diretora da Central de Regulação, Liliam Costa, ouviu reclamações e sugestões sobre a marcação dos exames e consultas nos postos de saúde. Entre as principais reclamações estava a falta de pessoal e estrutura para os postos realizarem o trabalho.

“O primeiro passo foi descentralizar a marcação que estava gerando filas quilométricas todas às segundas-feiras fazendo com que as pessoas dormissem nas filas. O outro passo foi o retorno das consultas e exames. Só nesses dois meses foram mais de 28 mil exames laboratoriais realizados, sem falar nos outros procedimentos. Agora estamos trabalhando para informatizar a marcação nos postos e logo em seguida a questão de pessoal. Contamos com a compreensão e colaboração dos conselheiros, pois pegamos uma saúde totalmente desestruturada e em 60 dias não tínhamos como resolver tudo”, explicou a diretora.

Foto: Reprodução

O encontro aconteceu no auditório da Segov -

Mais Notícias

Vila de Abrantes recebe a Trilha Gestão Empreendedora

Vila de Abrantes recebe a Trilha Gestão Empreendedora

Obras para implantação do Centro de Referência à Saúde da Mulher já começaram

Obras para implantação do Centro de Referência à Saúde da Mulher já...

Diversas ações movimentaram o terceiro trimestre da Sedur

Diversas ações movimentaram o terceiro trimestre da Sedur

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.