Projeto piloto será implantado

Iwwa Agência
Publicado 27/03/2014 10:03:50

Camaçari é o primeiro município na Bahia a implantar o projeto piloto do governo federal Viva Melhor, que visa realizar testes rápidos de HIV por fluído oral, em parceria com ONGs (Organizações Não Governamentais). No Brasil, 21 estados adotaram a medida. Após a realização do exame, caso seja positivo, a pessoa é encaminhada para o serviço de saúde de referência.

De acordo com o presidente do Gaac (Grupo Anti Aids), Paulo Costa, o projeto tem como alvo o público LGBTs (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros) e profissionais do sexo. Cerca de 720 mil pessoas vivem com HIV no país e 150 desconhecem que tem o vírus. O teste é simples, rápido e sigiloso e o resultado é disponibilizado em 20 minutos.

Para a representante do Ministério da Saúde, Mariana Tassi, que esteve nesta quinta-feira (27/03) em Camaçari, a essência do trabalho é a simplicidade do processo. “A ideia é oferecer espaços de sensibilização, ir onde as pessoas estão”, afirmou. Ela ainda destacou que o indicador avaliado será o número de pessoas que procurarem o Cres (Centro de Referência e Especialidade em Saúde) e o CTA (Centro de Testagem e Aconselhamento).

 

Slideshow | 2 fotos

Projeto piloto será implantado

Mais Notícias

Parceria entre Secult e Sedap é discutida em reunião

Parceria entre Secult e Sedap é discutida em reunião

Contas do 2º quadrimestre de 2021 da Seduc são apresentadas em audiência pública

Contas do 2º quadrimestre de 2021 da Seduc são apresentadas em audi...

Sejuv abre inscrições para formação técnica de educadores físicos

Sejuv abre inscrições para formação técnica de educadores físicos

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.