Projeto herança africana retoma atividades em março

Iwwa Agência
Publicado 09/12/2008 09:12:29

As atividades de encerramento do programa Mojú acontecem sábado (13/12), das 8h30 às 17h, na Cidade do Saber Professor Raymundo Pinheiro. Durante o dia, serão apresentados 22 projetos desenvolvidos pelos profissionais orientados no programa.

Para 2009, está prevista a abertura de novas turmas para a qualificação de professores da rede pública de ensino. As capacitações devem acontecer em março. O início do ano letivo trará inovações como a criação do site do programa e elaboração de boletins periodicamente.

O objetivo é difundir o programa para população e oferecer aos profissionais de educação, conhecimentos estratégicos para compreensão e combate ao preconceito e à discriminação racial no ambiente escolar.

Em Camaçari, a aplicabilidade da Lei 10.639, que torna obrigatório o ensino da cultura da África nas escolas, acontece desde 2005. No Município, foi implantado, em agosto de 2007, o programa Mojú, que em iorubá significa saber.

O programa Mojú discute e capacita professores sobre assuntos como História da África, Arte Africana, Tráfico e Escravidão no Brasil, Teorias Étnico-Raciais no Brasil, Dinâmicas de Resistência ao Sistema Escravista, Religiões Afro-Brasileiras, Arte Afro-Brasileira, além de Metodologia e Prática voltada para Lei 10.639.

Foto: Arquivo

As aulas são ministradas na Cidade do Saber -

Mais Notícias

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 16 de abril de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 16 de abril de 2021

Sedur realiza ação de desocupação em área de preservação ambiental

Sedur realiza ação de desocupação em área de preservação ambiental

Vacinação da primeira dose contra a Covid-19 retorna em Camaçari

Vacinação da primeira dose contra a Covid-19 retorna em Camaçari

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.