Prefeitura de Camaçari qualifica ambulantes e baianas de acarajé de Arembepe

ASCOM
Publicado 18/10/2021 04:10:24

Ambulantes e baianas de acarajé de Arembepe receberam nesta segunda-feira (18/10) o curso de empreendedorismo para profissionais que atuam na região. A ação é fruto da ação conjunta entre as secretarias do Turismo (Setur) e dos Serviços Públicos (Sesp), em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). A iniciativa segue a Trilha da Economia da Praia iniciada em Jauá, no fim de setembro.

A formação acontece em três módulos, ministrados até o dia 20/10. Nesta primeira turma, a qualificação ocorre sempre das 13h às 17h, na Associação de Moradores Unidos de Arembepe, situada na praça Salustiano Santiago de Souza (antiga praça das Amendoeiras). Serão qualificados 40 profissionais, porém com a realização de duas outras formações esse número atinge o total de 120 profissionais, até o fim de outubro. A licença para atuar como ambulante ou baiana de acarajé está condicionada à participação integral no curso.

Namucies Souza, chefe da Diretoria de Ordem Pública (Dirop) da Sesp, que abrange a Coordenação de Licenciamento e Fiscalização do Comércio Ambulante, explicou que a principal meta da pasta é levar mais qualidade ao serviço prestado por esses trabalhadores. “Todo curso é bem-vindo, já que até nós mesmos somos chamados à atenção quando um trabalhador do comércio informal trabalha de maneira inadequada. A importância do curso é essa: a aprendizagem. Quanto mais se aprende, mais fácil é para você se relacionar com seus clientes” reconheceu o gestor.

Temas como controle financeiro, qualidade no atendimento, higiene e manipulação de alimentos são alguns dos assuntos da agenda de formação dos ambulantes e baianas de acarajé de Arembepe. A ação Trilha Economia da Praia é parte do projeto Trilhas Empreendedoras, que integra o programa Retoma Camaçari, fruto de convênio iniciado em 2018, firmado entre a prefeitura e o Sebrae.

Gerônimo de Lacerda, de 44 anos, até o início da pandemia atuava como motorista e supervisor. Ficou desempregado, tempo que passou a exercer o ofício de ambulante. Pegou os últimos R$75,00 de sua conta-corrente e investiu tudo em miçangas. Ele vê com esperança a formação. “Acho bacana essa iniciativa da prefeitura pois é uma forma de capacitar a gente, vendedor. A gente não vai só lidar com pessoas daqui. Vamos lidar com pessoas de outros estados, e até mesmo de outros países”, reconheceu.

Maria José Moura, 35 anos, vende alimentos e bebidas na localidade. Ela deseja sair da formação com mais conhecimento do que entrou. “Desse curso eu espero só coisas melhores. Acho que pode facilitar muitas coisas na minha atuação”, pontuou.

Já foram realizadas três turmas em Jauá, por meio das quais foram qualificados cerca de 150 profissionais entre 29/9 e 8/10. Em Arembepe, além da formação que teve início nesta segunda, duas outras turmas estão agendadas para 20 a 22/10 (das 8h30 às 12h30) e de 25 a 27/10 (das 13h às 17h).

No total, serão formadas 13 turmas até o fim de novembro, segundo calendário:

– 27 a 29/10 – turma  7 – Monte Gordo e Guarajuba

– 03 a 05/11 – turma  8 – Monte Gordo e Guarajuba

– 08 a 10/11 – turma  9 – Monte Gordo e Guarajuba

– 10 a 12/11 – turma 10 – Barra do Jacuípe

– 16 a 18/11 – turma 11 – Barra do Jacuípe

– 22 a 24/11 – turma 12 – Barra do Pojuca e Itacimirim

– 24 a 26/11 – turma 13 – Barra do Pojuca e Itacimirim

Mais Notícias

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 27 de novembro de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 27 de novembro de 2021

Feira Multicultural e Ambiental é iniciada na Costa do município

Feira Multicultural e Ambiental é iniciada na Costa do município

Prefeitura investe em mais uma capacitação para os servidores

Prefeitura investe em mais uma capacitação para os servidores

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.