Prefeito pede apoio às forças federais

Iwwa Agência
Publicado 06/02/2012 06:02:13

Preocupado com o anúncio, na tarde de segunda-feira (06/02), da adesão do 12º BPM (Batalhão da Polícia Militar), sediado em Camaçari, à greve dos policiais militares, o prefeito Luiz Caetano não hesitou em pedir, imediatamente, à SSP (Secretaria de Segurança Pública da Bahia), ajuda das forças federais para garantir a segurança da cidade e permitir a tranqüilidade da população.

Por enquanto, o policiamento da cidade tem sido feito pela Polícia Civil, oficiais da Polícia Militar e a CIPE-PI (Companhia Independente de Polícia Especializada – Pólo Industrial). Tão logo ficou sabendo da adesão do 12º BPM à greve, o prefeito, acompanhado de policiais civis e militares, percorreu novamente os principais pontos da cidade, assim como fez na manhã desta segunda (06), na sexta-feira (03) e no sábado (04).

A intenção é passar confiança para a população, mostrando que a administração municipal está preocupada com o andamento da paralisação na PM, tem acompanhado de perto o desenrolar dos fatos e está pronta para agir a qualquer situação de emergência.

O prefeito explicou ter comunicado às autoridades policiais do Estado a adesão dos policiais do 12º Batalhão à greve e assegurou que a Rondesp (Rondas Especiais) chega na noite de segunda à cidade para reforçar o policiamento.

A STT (Superintendência de Trânsito e Transporte) e Defesa Civil também estão de plantão no centro da cidade para tranqüilizar o povo e oferecer o apoio no atendimento de possíveis emergências. “Estamos de plantão para garantir o mínimo de segurança possível à população”, disse o prefeito Caetano ao aproveitar para pedir cautela e o apoio do povo no sentido de ajudar o governo a achar o caminho para resolver o problema da greve dos policiais militares.

“Eu respeito todas as formas de reivindicação, mas sou contra o radicalismo, principalmente quando coloca a vida de pessoas em risco”, afirmou o prefeito ao declarar que acredita no poder do diálogo.

Ao voltar ao centro da cidade, na tarde de hoje, muitas pessoas aproveitaram para conversar com o prefeito e falaram da importância da presença do chefe do Executivo nas ruas. “É muito bom contar com o prefeito aqui, passa mais segurança para a população, que está tensa com as coisas que estão acontecendo, principalmente os boatos”, comentou Rosângela Gouveia.

Acompanhado de policiais civis, o delegado chefe da 18ª delegacia, João Uzzum, esteve na praça Abrantes e informou que a Policia Civil vai continuar realizando as ações de investigação, mas dará o suporte no policiamento para a garantia da lei e da ordem.

Apesar da adesão dos policiais do 12º Batalhão à greve da Polícia Militar, os policiais da orla trabalham normalmente. Em caso de emergência, a população deve ligar para o telefone 190 (gratuito) ou o 3622 7872 (plantão da Polícia Civil).

Slideshow | 7 fotos

Prefeito pede apoio às forças federais

Mais Notícias

Bolsa Família Itinerante chega ao bairro Gravatá

Bolsa Família Itinerante chega ao bairro Gravatá

Mais de 45 escolas receberam melhorias nos últimos três meses

Mais de 45 escolas receberam melhorias nos últimos três meses

Readaptação e entusiasmo marcam volta às aulas da Pracinhas da Cultura

Readaptação e entusiasmo marcam volta às aulas da Pracinhas da Cultura

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.