População ganha duas unidades de saúde

Iwwa Agência
Publicado 20/11/2009 01:11:45

A população de Camaçari ganha, até o final do ano, dois novos equipamentos de saúde. Está em fase final de construção o Posto de Saúde da Família (PSF) do Gravatá e a ampliação do setor de emergência do Posto de Atendimento (PA) de Nova Aliança.

Com 500 metros quadrados e com orçamento de R$ 550 mil, o novo PSF vai contar com consultórios médicos e odontológicos, salas de enfermagem, inalação, esterilização, imunização, curativos e sutura, além de uma moderna recepção, almoxarifado e farmácia.

De acordo com o coordenador de projetos e manutenção da Secretaria da Saúde (Sesau), Paulo Baggi, 90% da obra está pronta.

Com a ampliação e a reforma do setor de emergência, o PA do Nova Aliança vai dobrar a capacidade de atendimento, que hoje é de 250 pessoas. O espaço físico aumentará para 450 metros quadrados.

Serão construídas novas salas de observação infantil, adulto e de saúde mental, salas de raio-x, emergência, sutura, curativo, nebulização, enfermagem e pediatria, além de farmácia e local para embarque e desembarque de ambulância. O investimento total é de R$ 220 mil.

AREMBEPE
O Posto de Atendimento (PA) de Arembepe também passará por reformas no primeiro semestre de 2010. O projeto, que está em fase de conclusão, vai contemplar os moradores de toda a orla do Município.

Segundo Paulo Baggi, o PA de Arembepe será no mesmo porte de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), com serviços de pronto-atendimento em horário integral, inclusive nos finais de semana, e equipada para atender pequenas e médias emergências, além de pacientes em estados graves, até que sejam removidos para um hospital.

A unidade de saúde passa a contar com 500 metros quadrados e uma estrutura com salas de classificação de riscos, exames, radiologia, eletrocardiograma, inalação, coleta, observação, exames, descontaminação de material e armazenagem.

Vai contar também com um serviço social, Departamento Médico Legal, farmácia, recepção, quarto para plantonista e posto policial, além do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu-192).

O PA de Arembepe atende hoje, em média, 5 mil pacientes por mês. Com a reforma, o atendimento pode chegar a 10 mil. A previsão é que o custo da obra fique em torno de R$ 400 mil.

Foto: Agnaldo Silva

PSF do Gravatá terá consultórios, farmácia e sala de curativos -

Mais Notícias

Dia D contra Covid ocorre sábado (4) e intervalo entre a 1ª e 2ª dose da AstraZeneca reduz para 2 meses

Dia D contra Covid ocorre sábado (4) e intervalo entre a 1ª e 2ª do...

Horto Florestal Linaldo da Silva reabre para visitação nesta sexta (3/12)

Horto Florestal Linaldo da Silva reabre para visitação nesta sexta ...

Secult reabre projeto Kit Cultura Popular

Secult reabre projeto Kit Cultura Popular

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.