População aprova obras da rede de esgoto

Iwwa Agência
Publicado 27/08/2009 04:08:55

O comerciante Antônio Carlos Barbosa, morador da Piaçaveira, aguarda ansioso a conclusão das obras da rede de esgoto de Camaçari, prevista para o final de 2010. Proprietário de um bar, Antônio Barbosa, lembra que o Município terá mais higiene, saúde e qualidade de vida. “O sonho está perto de ser realizado”.

O aposentado Ailton Tavares de Souza, dono de uma barraca de revista no bairro do Inocoop, também conta os dias para o término das intervenções. “Vou morar em uma casa sem problemas e com higiene”, conclui.

A maior obra da história de Camaçari continua em ritmo acelerado e chega a quase 50% dos trabalhos executados. São 164 mil metros de rede instalados em 451 ruas do Município.

Além do Inocoop e Piaçaveira, os serviços foram realizados nos bairros do Phoc 1, Parque Satélite, Parque Florestal, Ficam, Gleba B, Nova Vitória, Verde Horizonte, Gleba H, Jardim Brasília, Triângulo e Camaçari de Dentro.

No total, serão implantados cerca de 300 quilômetros de tubulações e 17.035 ligações domiciliares de esgoto. O programa de esgotamento vai deixar o Município com um índice de, aproximadamente, 70% dos imóveis com tratamento sanitário. Atualmente, a sede possui rede de esgoto em menos de 3% das casas.

As obras de implantação do esgotamento sanitário na sede fazem parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), e estão orçadas em R$ 63,7 milhões. A iniciativa, realizada pela Embasa (Empresa Baiana de Águas e Saneamento) em parceria com a Prefeitura de Camaçari, beneficia mais de 64 mil pessoas.

ORLA
De acordo com o sub-secretário do Desenvolvimento Urbano (Sedur), Everaldo Siqueira, na orla a intensidade dos trabalhos é a mesma. Foram feitos 94% dos trabalhos em Monte Gordo, 52% em Guarajuba, 53% em Barra do Pojuca, e 100%, em Itacimirim.

Segundo ele, entre os avanços apresentados estão o aumento da auto-estima, a descontaminação do lençol freático, a melhoria do aspecto da cidade, geração de emprego e renda, e melhoria na saúde da população.

Dados da Organização Mundial da Saúde indicam que para cada R$ 1,00 investido em saneamento outros R$ 4,00 são economizados na área de saúde, devido a gastos no tratamento de doenças e verminoses.

Foto: Agnaldo Silva

Implantação da rede do bairro Inoccop está adiantada -

Mais Notícias

Prefeito vistoria iluminação do novo Horto Florestal

Prefeito vistoria iluminação do novo Horto Florestal

População de 12 anos acima é convocada para vacinação contra Covid

População de 12 anos acima é convocada para vacinação contra Covid

Pré-conferência de Saúde da costa de Camaçari elege delegados e propostas

Pré-conferência de Saúde da costa de Camaçari elege delegados e pro...

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.