População aprova ações do Pólo Cidadania

Iwwa Agência
Publicado 14/07/2008 08:07:06

Informações e serviços de utilidade pública foram disponibilizados à população, no último sábado (12/07), na Cidade do Saber Professor Raymundo Pinheiro. A ação, denominada Pólo Cidadania, finalizou as comemorações pelos 30 anos do Complexo Industrial de Camaçari, completos no dia 29 de junho.

A cerimônia oficial de abertura contou com a apresentação da Sociedade Filarmônica 28 de Setembro e da Bamuquinha – fanfarra infanto-juvenil da Bamuca. O programa é coordenado pelo Cofic, em parceria com diversas empresas privadas associadas e Sesi (Serviço Social da Indústria).

Durante todo o dia, atendimentos na área jurídica, esportiva, cultural, de saúde e lazer. Cerca de 500 voluntários, 45 estandes, mais algumas unidades móveis garantiram serviços como avaliação médica, tratamento odontológico, orientação nutricional, palestra, mini-curso, oficinas de ginástica, emissão de documentos, aulas de reciclagem de plástico, corte de cabelo e atividades infantis.

Segundo Érico Oliveira, Superintendente de Comunicação do Comitê de Fomento Industrial de Camaçari (Cofic), a proposta é fazer do Pólo Cidadania um projeto permanente, integrado a agenda de atividades do órgão.

“Não posso pagar um plano odontológico, por isso vim com meu filho para uma consulta com o dentista”, diz Maria de Jesus Santos, mãe de Eric Caic de Jesus do Carmo, de 11 anos. “O dentista me ensinou que o certo é escovar os dentes depois que eu comer qualquer coisa e eu nunca fiz isso. Sempre escovei duas vezes no dia. Agora estou feliz porque fiz limpeza, canal, obturação e também aprendi a me cuidar”, comemora o menor, exibindo o kit com escova, fio dental e anti-séptico bucal, adquirido gratuitamente após a consulta.

A oficina de pneus, ministrada pelo artista plástico e percussionista Peu Meurray, também atraiu dezenas de curiosos. Para o aposentado Manoel Jorge Cardoso, 55 anos, a experiência rendeu bons resultados. “Percebi que alguns utensílios que as pessoas jogam fora como se fossem lixo podem ser reaproveitados. É muito bom saber que existe um tipo de música criada através da reciclagem”, diz.

Peu Meurray, autor do projeto Penumaticamente Falando, acredita que a proposta do evento contribui de forma positiva para o aprendizado das pessoas. “Poder aprender com a música é algo fantástico”, comenta o artista, que visitou Camaçari pela terceira vez.

Curiosos, adultos e crianças corriam para conhecer os estandes. A pequena Lanara de Oliveira Soares, 7 anos, assistia atenta as aulas sobre educação no trânsito. As informações eram transmitidas por personagens de televisão e estórias em quadrinhos. “A Emília do Sítio do Pica-pau Amarelo acabou de falar que lugar de criança é no banco de trás do carro”, explica.

PÓLO INDUSTRIAL
O pólo industrial de Camaçari tem mais de 60 empresas químicas, petroquímicas e de outros ramos de atividade, como indústria automotiva, de celulose, metalurgia do cobre, têxtil, bebidas e serviços.

O complexo responde por mais de 90% da arrecadação tributária de Camaçari e representa uma contribuição anual em ICMS para o Estado superior a R$ 700 milhões. Atualmente gera 13 mil empregos diretos e 20 mil indiretos.

Mais Notícias

Inscrições para ocupação do Teatro Alberto Martins segue até sexta (29)

Inscrições para ocupação do Teatro Alberto Martins segue até sexta ...

Pracinhas da Cultura terá aulão de zumba em alusão ao Outubro Rosa

Pracinhas da Cultura terá aulão de zumba em alusão ao Outubro Rosa

Camaçari passa a marca de 200 mil vacinados com a 1ª dose contra a Covid

Camaçari passa a marca de 200 mil vacinados com a 1ª dose contra a ...

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.