Obra da retirada da linha férrea começa em julho

ASCOM BOT
Publicado 13/02/2009 02:02:18

O início das obras para a retirada da linha férrea de Camaçari, começa em julho.

É o que ficou estabelecido na manhã desta sexta-feira (13/02), durante a visita do diretor de Infra-estrutura Ferroviária do Departamento Nacional de Infra-estrutura de Transportes (DNIT), Rômulo do Carmo Ferreira Neto ao prefeito Luiz Carlos Caetano, que foi surpreendido com a boa notícia de que o projeto foi aprovado.

Até o final de março, será emitida pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), a licença prévia, que autoriza o início das obras.

Por ser considerado um projeto de grande porte, o processo de licitação será realizado pelo governo do Estado.

Na ocasião, o prefeito agradeceu a Rômulo Neto, pelo papel desempenhado durante as negociações junto ao DNIT, e disse estar muito feliz com a visita e os resultados obtidos.

O PROJETO
Antiga reivindicação da população e compromisso do atual governo, a retirada da linha férrea, agora é uma realidade.

Previsto para começar em julho, o projeto trará inúmeros benefícios à população, dentre os quais a redução do risco de acidentes com produtos químicos no centro da cidade e maior fluidez no sistema de tráfego.

O projeto está orçado em R$ 121 milhões e utiliza recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), que já estão disponíveis. O término das obras deve acontecer no prazo de dois anos.

PASSAGENS DE NIVEL
Além da reunião sobre o início das obras que vai retirar a linha férrea, Caetano recebeu o diretor de Relações Institucionais da Ferrovia Centro-Atlântica (FCA), José Osvaldo Cruz, que falou sobre a aprovação do projeto para a construção de passagens de nível na linha do trem. As obras começam no próximo dia 02.

A FCA, que é a concessionária responsável pela preservação da rede ferroviária e dos trens, vai protocolar o projeto na segunda-feira (16/02), na Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). O órgão é o responsável pela liberação do início das intervenções.

Serão construídas três passagens, uma na rua Paranapanema, na avenida Eixo Urbano Central e na praça dos 46, além da recuperação das duas existentes, localizadas nas ruas da Natividade e Alecrim.

Mesmo após a retirada da linha férrea do centro de Camaçari, as passagens de nível continuarão sendo usadas pela população.

De acordo com o prefeito, a intervenção vai melhorar substancialmente o trânsito e diminuir os congestionamentos nos horários de pico. A Prefeitura conta com o apoio e a compreensão da população para os possíveis transtornos que possam ocorrer durante as obras.

Atualmente, Camaçari conta com 60 mil veículos em circulação, e é necessário realizar melhorias para proporcionar maior fluidez ao trânsito. O projeto, que começou a ser discutido em maio do ano passado, faz parte do processo de revitalização do Centro.

Participaram da reunião os secretários de Planejamento, José Cupertino, de Infra-Estrutura, João Batista Bessa, e da Indústria e Comércio, Djalma Machado, além do superintendente de Trânsito e Transportes, Francisco Franco, e o coordenador da Defesa Civil, Ademar Lopes.

Mais Notícias

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 23 de Janeiro de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 23 de Janeiro de 2021

Fábrica Eliane passará por modernização em Camaçari

Fábrica Eliane passará por modernização em Camaçari

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 22 de Janeiro de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 22 de Janeiro de 2021

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.