Obra da retirada da linha férrea começa em julho

Iwwa Agência
Publicado 13/02/2009 02:02:18

O início das obras para a retirada da linha férrea de Camaçari, começa em julho.

É o que ficou estabelecido na manhã desta sexta-feira (13/02), durante a visita do diretor de Infra-estrutura Ferroviária do Departamento Nacional de Infra-estrutura de Transportes (DNIT), Rômulo do Carmo Ferreira Neto ao prefeito Luiz Carlos Caetano, que foi surpreendido com a boa notícia de que o projeto foi aprovado.

Até o final de março, será emitida pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), a licença prévia, que autoriza o início das obras.

Por ser considerado um projeto de grande porte, o processo de licitação será realizado pelo governo do Estado.

Na ocasião, o prefeito agradeceu a Rômulo Neto, pelo papel desempenhado durante as negociações junto ao DNIT, e disse estar muito feliz com a visita e os resultados obtidos.

O PROJETO
Antiga reivindicação da população e compromisso do atual governo, a retirada da linha férrea, agora é uma realidade.

Previsto para começar em julho, o projeto trará inúmeros benefícios à população, dentre os quais a redução do risco de acidentes com produtos químicos no centro da cidade e maior fluidez no sistema de tráfego.

O projeto está orçado em R$ 121 milhões e utiliza recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), que já estão disponíveis. O término das obras deve acontecer no prazo de dois anos.

PASSAGENS DE NIVEL
Além da reunião sobre o início das obras que vai retirar a linha férrea, Caetano recebeu o diretor de Relações Institucionais da Ferrovia Centro-Atlântica (FCA), José Osvaldo Cruz, que falou sobre a aprovação do projeto para a construção de passagens de nível na linha do trem. As obras começam no próximo dia 02.

A FCA, que é a concessionária responsável pela preservação da rede ferroviária e dos trens, vai protocolar o projeto na segunda-feira (16/02), na Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). O órgão é o responsável pela liberação do início das intervenções.

Serão construídas três passagens, uma na rua Paranapanema, na avenida Eixo Urbano Central e na praça dos 46, além da recuperação das duas existentes, localizadas nas ruas da Natividade e Alecrim.

Mesmo após a retirada da linha férrea do centro de Camaçari, as passagens de nível continuarão sendo usadas pela população.

De acordo com o prefeito, a intervenção vai melhorar substancialmente o trânsito e diminuir os congestionamentos nos horários de pico. A Prefeitura conta com o apoio e a compreensão da população para os possíveis transtornos que possam ocorrer durante as obras.

Atualmente, Camaçari conta com 60 mil veículos em circulação, e é necessário realizar melhorias para proporcionar maior fluidez ao trânsito. O projeto, que começou a ser discutido em maio do ano passado, faz parte do processo de revitalização do Centro.

Participaram da reunião os secretários de Planejamento, José Cupertino, de Infra-Estrutura, João Batista Bessa, e da Indústria e Comércio, Djalma Machado, além do superintendente de Trânsito e Transportes, Francisco Franco, e o coordenador da Defesa Civil, Ademar Lopes.

Mais Notícias

Camaçari é avaliada como gestão de excelência pela Firjan

Camaçari é avaliada como gestão de excelência pela Firjan

Prefeito prestigia evento da Seduc em alusão ao Dia do Professor

Prefeito prestigia evento da Seduc em alusão ao Dia do Professor

Prefeito visita Trevo da Cascalheira neste sábado (23)

Prefeito visita Trevo da Cascalheira neste sábado (23)

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.