Município reforça política de apoio aos jovens

Iwwa Agência
Publicado 07/05/2009 08:05:52

Começa no dia 19 de maio a capacitação dos 40 profissionais que atuarão no atendimento dos jovens em cumprimento de medidas sócio-educativas de regime aberto. O curso acontece no auditório da Vigilância Sanitária, a partir das 8h.

Os contemplados pelo projeto fazem parte da equipe dos Conselhos Tutelares da sede e orla, Secretaria do Desenvolvimento Social de Camaçari (Sedes), Conselhos Municipais da Criança e do Adolescente e da Assistência Social, mais algumas entidades que atuarão como parceiras da iniciativa.

A proposta do projeto Municipalização das medidas sócio-educativas na Região Metropolitana de Salvador é promover a inclusão social de adolescentes e suas famílias, através da qualificação das condições de cumprimento de medidas sócio-educativas.

A ação é resultado de parceria da Sedes, com o Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) e a Organização Não-Governamental Juspopuli (Escritório de Direitos Humanos).

A capacitação inclui 48 horas de aulas práticas e teóricas, norteadas pelos eixos Direito da Criança e do Adolescente, Sinase (Sistema Nacional de Medidas Sócio-educativas), Direitos Humanos e Mediação de Conflitos.

Ao final do curso, os técnicos do Unicef e da Juspopuli ficarão à disposição do Município para assessoramento da equipe capacitada e esclarecimento de dúvidas.

CASA DE SEMILIBERDADE
Camaçari vai ganhar no dia 15 de maio, a Casa de Semiliberdade Volta por Cima. A cerimônia de inauguração está marcada para às 9h, com as presenças de autoridades municipais e estaduais. A entidade vai funcionar na avenida Concêntrica, 514 , bairro Camaçari de Dentro.
A Casa é uma ação do projeto Volta por Cima, desenvolvido para o atendimento de 20 jovens do sexo masculino, entre 12 e 21 anos, que cumprem medida sócio-educativa em regime de semiliberdade.

No local, os jovens terão oficinas de arte-educação, curso de informática, apoio psicológico, além de encaminhamento para cursos profissionalizantes, atendimento médico e odontológico e atividades esportivas.

O projeto é desenvolvido pela União das Organizações Sociais e Culturais de Camaçari (Uoscc) e conta com o apoio da Fundação da Criança e do Adolescente (Fundac), órgão vinculado ao governo da Bahia. As obras de recuperação e reaparelhamento da Casa estão orçadas em R$ 29 mil.

A equipe é formada por coordenador geral, pedagogo, assistente social, advogado, psicólogo, educadores sociais, mais o grupo operacional (que inclui vigilante, auxiliar de serviços gerais, cozinheiro e assistente administrativo). O efetivo soma 22 pessoas.

O imóvel possui sete quartos, três salas, piscina, sala de administração, sala para corpo técnico e espaço para atividades sócio-culturais.

Foto:

Mais Notícias

Sefaz apresenta resultados do 2º quadrimestre e projeta crescimento

Sefaz apresenta resultados do 2º quadrimestre e projeta crescimento

STT realiza ação de encerramento do Setembro Amarelo

STT realiza ação de encerramento do Setembro Amarelo

Camaçari e o potencial turístico – a história de Jucy Andrade

Camaçari e o potencial turístico – a história de Jucy Andrade

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.

AFFPAY AFFPAY Signup AFFPAY Loginp AFFPAY Affiliates Terms AFFPAY Advertisers Terms AFFPAY Privacy Policy AFFPAY FAQ AFFPAY Contact us