Município possui rede integrada contra as drogas

Iwwa Agência
Publicado 28/04/2010 12:04:07

O uso excessivo de álcool e demais drogas é, hoje, um problema gravíssimo em todos os países do mundo. Preocupada com a situação, a Prefeitura de Camaçari tem ampliado as parcerias com os governos estadual e federal para prevenir a utilização, tratar, recuperar e reinserir socialmente os usuários de drogas.

A rede de mobilização contra os entorpecentes inclui as áreas de saúde, assistência social, educação e segurança pública. A Prefeitura disponibilizou, inclusive, um assistente social para acompanhar os usuários e familiares, bem como as vítimas de violência e abuso sexual. O profissional fica na Escola Félix Joaquim de Moraes, no bairro Camaçari de Dentro, as segundas-feiras, o dia inteiro, e na quinta, até às 12h.

Os casos atendidos são identificados pela unidade de ensino, conforme variação comportamental do aluno. “Acompanhamos o estudante e a família até que retornem o curso de vida normal. É importante que os pais saibam que têm papel fundamental no trabalho de recuperação do filho”, diz o assistente social Joel Miguez Sobrinho. Segundo o profissional, os casos em que são necessários atendimento ambulatorial são encaminhados para as unidades de saúde do Município.

Há ainda o trabalho da Ronda Escolar. O sistema é vinculado à Secretaria Municipal da Educação (Seduc) e funciona de segunda a sexta-feira, nos três turnos. A proposta é coibir a violência e o uso de drogas nas unidades de ensino, além de prevenir arrombamentos e assaltos.

No intuito de facilitar a comunicação com os órgãos de segurança e fiscalização, os carros são dotados de rádio transmissor. As viaturas também são padronizadas com giroflex. Para solicitar o serviço, o interessado pode ligar para os números 3621-6702 ou 9984-7327.

PLANO OPERATIVO
Atualmente, Camaçari integra o programa federal Ações Integradas na Prevenção ao Uso de Drogas e Violência, que tem o objetivo de tratar e garantir a reinserção social de pessoas que usam drogas. O convênio foi assinado este ano.

Dentro do programa, está prevista construção do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS AD) e CAPS 3, que funcionarão ao lado do Centro de Referência da Mulher (CRM) Yolanda Pires, mais a implantação do Consultório de Rua.

O projeto Ações Integradas faz parte do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci), que também desenvolve no Município as ações Protejo e Programa do Esporte e Lazer na Cidade (Pelc).

Existe ainda, em Camaçari, uma rede referenciada para uso de álcool e drogas. Através do sistema, os usuários são encaminhados para acompanhamento e tratamento psicoterápico em Salvador, ao Centro de Estudos e Terapia do Abuso de Drogas (Cetad), Centro de Atenção e Tratamento para Alcoolismo (Cata) e Aliança de Redução de Danos Fátima Cavalcante (ARDFC).

A Associação Beneficente Servir, localizada em Arembepe, também é utilizado como centro de atendimento. Segundo a coordenadora municipal de Saúde Mental, Álcool e Outras Drogas, Célia Baqueiro, será criado, em breve, o Conselho Municipal de Políticas Públicas sobre Álcool e outras Drogas.

Foto: Agnaldo Silva

A Ronda Escolar faz parte do programa contra às drogas -

Mais Notícias

Defesa Civil faz visita técnica para implantar sistemas de alerta no entorno das barragens da RMS

Defesa Civil faz visita técnica para implantar sistemas de alerta n...

Requalificação do Mercado de Barra do Pojuca é tema de reunião

Requalificação do Mercado de Barra do Pojuca é tema de reunião

Teatro Cidade do Saber será palco para festival de stand up Bloco de Notas

Teatro Cidade do Saber será palco para festival de stand up Bloco d...

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.

AFFPAY AFFPAY Signup AFFPAY Loginp AFFPAY Affiliates Terms AFFPAY Advertisers Terms AFFPAY Privacy Policy AFFPAY FAQ AFFPAY Contact us