Mudança termina nesta sexta-feira

Iwwa Agência
Publicado 01/08/2012 10:08:43

A mudança das famílias que moram em áreas de risco, às margens do Rio Camaçari, e que estão sendo reassentadas para o Residencial Lucaia, na via Parafuso, acontece de forma tranquila. Realizada pela Prefeitura, sem custo algum para os moradores, a iniciativa contempla 39 famílias, desde o dia 23 de julho.

As mudanças são realizadas a partir de um agendamento prévio na Sehab (Secretaria da Habitação) e a previsão é de que o trabalho seja concluído na sexta-feira (03/08), após a realização das 10 mudanças restantes.

Muito emocionada, a ajudante de cozinha, Berenice Pinheiro, 54 anos, se diz abençoada por tudo que está acontecendo na vida da família dela. Tanta alegria se deve ao fato de sair de um local de risco para um imóvel seguro. “Isso é mais uma prova que a administração municipal zela pela população de Camaçari. O governo pensou em todos os detalhes, não gastamos nada com a mudança”, enfatizou.

As famílias contempladas com o auxílio do caminhão baú foram reassentadas a partir da ação conjunta entre do PAC 2, que financia o Programa de Urbanização Integrada da Bacia do Rio Camaçari, e as obras do programa Minha Casa, Minha Vida.

No primeiro momento, foram contempladas 280 famílias que residiam entre os trechos seis e sete das obras de revitalização do rio Camaçari, que compreendem as avenidas 28 de Setembro, Manoel Mercês e Tupinambás, antigas radiais A, B e C, respectivamente.

 COMO FUNCIONA

O processo de mudança conta com o apoio de duas equipes, compostas por duas técnicas da equipe social da Sehab, motorista, dois ajudantes e dois auxiliares de demolição, cada uma.

Cada equipe tem o suporte de um caminhão de mudança e fica responsável por retirar os móveis da antiga casa, transportá-los e descarregá-los no Residencial Lucaia, assim como demolir a construção antiga, tudo acompanhado por uma pessoa da família contemplada.

No ato da demolição um representante da família assina um termo autorizando a derrubada da casa e, caso tenha interesse, pode recolher os materiais de demolição, como porta, telha e janela, para reaproveitamento.   

A área desapropriada irá integrar as obras de Revitalização Integrada da Bacia do Rio Camaçari, que além de retirar as famílias de áreas de risco, oferecendo moradias dignas, prevê a construção de duas pistas que cortam a cidade, a recuperação do Horto Florestal, construção de praças, parques, aparelhos de ginásticas e quiosques de convivência e comerciais, dentre outros equipamentos públicos. 

 

Slideshow | 4 fotos

Mudança termina nesta sexta-feira

Mais Notícias

Vacinação contra Covid-19 continua nesta quinta (21) e retoma para 12 anos acima

Vacinação contra Covid-19 continua nesta quinta (21) e retoma para ...

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 20 de outubro de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 20 de outubro de 2021

Realização da Semana Global do Empreendedorismo em Camaçari é tema de reunião

Realização da Semana Global do Empreendedorismo em Camaçari é tema ...

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.