Motorista que bebe e dirige será fiscalizado

Iwwa Agência
Publicado 11/07/2008 12:07:03

A Superintendência de Trânsito e Transporte (STT) se prepara para por em prática a Lei Seca em Camaçari. A nova legislação, nº 11.705 que altera o Código de Trânsito Brasileiro, proíbe o consumo de qualquer quantidade de bebida alcoólica por condutores de veículos.

Quem for pego dirigindo depois de beber, paga multa de R$ 957,70 e perde a carteira de motorista por 12 meses.

Segundo o coronel Aloísio Campos Filho, diretor técnico de Trânsito da STT, os fiscais e supervisores estão em fase de instrução com treinamento teórico e prático. Dentro de 15 dias, começa a operação, que terá atuação na sede e permanentemente na orla. “Os moradores do Município devem ficar atentos e evitar beber e dirigir, porque vamos fiscalizar diariamente, principalmente os lugares mais movimentados, sem avisar, para pegar o motorista desprevenido”.

O coronel orienta os motoristas que forem beber, seja à noite ou durante o dia, a buscarem um meio alternativo de transporte, como táxi e outros, ou então usarem o sistema de transporte coletivo do Município.

TRANSPORTE COLETIVO
O transporte coletivo de Camaçari é operado por cinco cooperativas e duas empresas, que atendem a sede e orla com ônibus, micro ônibus, vans e kombi. A fiscalização é feita diariamente em todos os bairros, pela (STT), através de 27 fiscais e 18 supervisores de transporte.

De acordo com o coronel Aloísio Campos Filho, no Município existem as empresas Viação Cidade Industrial, com 30 ônibus, e Viação Costa dos Coqueiros, com 10 carros. As cooperativas Coper União, Coper Kombi e Transrodotur trabalham na sede com um total de 98 vans, micro ônibus e kombi e na orla com 93.

A fiscalização é feita em pontos estratégicos de roteiros das linhas de ônibus, em todos os bairros e extremidades, a exemplo do Hospital Geral de Camaçari, Gleba A, Verde Ville, Verdes Horizontes, Jardim Limoeiro, dentre outros. Cada fiscal trabalha com um relatório operacional, informando o atendimento dos horários, cumprimento dos roteiros das linhas e detalhes como motorista uniformizado e condições de tráfego de veículos.

A jornada diária do transporte começa às 5h e se estende às 22h30. O horário final depende da demanda da comunidade estudantil. Existe ainda o “Corujão”, ônibus circular noturno que atende toda a comunidade até às 2h.

O planejamento operacional da fiscalização é baseado em quatro vertentes: a baixa estação, a alta estação, o período escolar e os eventos de grande porte como São João e carnaval fora de época. No verão, a fiscalização se intensifica devido ao aumento no movimento para destinos procurados como Arembepe, Jauá, Guarajuba e Abrantes.

Foto: Nelinho Oliveira

A STT vai montar blitze em vários pontos da sede e da orla -

Mais Notícias

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 27 de novembro de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 27 de novembro de 2021

Feira Multicultural e Ambiental é iniciada na Costa do município

Feira Multicultural e Ambiental é iniciada na Costa do município

Prefeitura investe em mais uma capacitação para os servidores

Prefeitura investe em mais uma capacitação para os servidores

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.