Morador ganha bolsa de estudos

Iwwa Agência
Publicado 13/12/2013 06:12:25

Feliz e com imensa expectativa. É assim que o jovem morador de Camaçari, Filipe Luigi Dantas Lima Santos, de 20 anos, está após ter sido aprovado no programa do governo federal Ciência sem Fronteiras.

Filipe cursa o 6° semestre de Engenharia Civil na UCSal (Universidade Católica do Salvador) e vai passar um ano e três meses na cidade de Liverpool, cidade do condado de Merseyside, localizado no noroeste da Inglaterra.

Morador do bairro Gleba C, o jovem conta que soube do intercâmbio através dos amigos. “Sempre tive vontade de estudar em outro país e o programa é uma porta para realização desse sonho. Fiz quatro provas de inglês, oral, escrita, auditiva e entrevista”, comenta. O programa, que condiciona a participação no intercâmbio ao fato de o candidato estar matriculado em um curso da área contemplada, também avaliou as notas do Enem do estudante.

O jovem ganhará do governo brasileiro uma bolsa mensal no valor de R$ 1.554, além de moradia, seguro saúde, auxílio para material didático e deslocamento. As aulas na Universidade de Liverpool começam em maio de 2014. Atualmente, Filipe está conhecendo a grade do curso de Engenharia Civil na Inglaterra e definindo junto com a instituição os horários das aulas.

Motivado pela conquista, o estudante acredita que o empenho nos estudos sempre é bem recompensados. “Os jovens precisam ficar atentos. Se tem oportunidade, é preciso se esforçar e buscar. O curso de inglês da Cidade do Saber é um bom exemplo. Se tem, vai em frente e faz”, opinou.

Sorridente, Filipe revela que teve uma infância boa e inesquecível na Gleba C. “Aquele campo de futebol marcou bastante a minha vida, foram muitas quedas”, lembra. Tímido, o rapaz conta que está solteiro, mas que a família irá acompanhá-lo nos primeiros dias no exterior.

 CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS

O programa busca promover a consolidação, expansão e internacionalização da ciência e tecnologia, da inovação e da competitividade brasileira por meio do intercâmbio e da mobilidade internacional. A iniciativa é fruto do esforço conjunto dos Ministérios da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e do Ministério da Educação (MEC), por meio das respectivas instituições de fomento – CNPq e Capes –, e Secretarias de Ensino Superior e de Ensino Tecnológico do MEC.

O projeto visa promover intercâmbio de forma que alunos de graduação e pós-graduação façam estágio no exterior com a finalidade de manter contato com sistemas educacionais competitivos em relação à tecnologia e inovação. 

 

Foto: Agnaldo Silva

Filipe Luigi Lima Santos vai estudar na Inglaterra -

Mais Notícias

Parceria entre Secult e Sedap é discutida em reunião

Parceria entre Secult e Sedap é discutida em reunião

Contas do 2º quadrimestre de 2021 da Seduc são apresentadas em audiência pública

Contas do 2º quadrimestre de 2021 da Seduc são apresentadas em audi...

Sejuv abre inscrições para formação técnica de educadores físicos

Sejuv abre inscrições para formação técnica de educadores físicos

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.