Ministro autoriza início da obra do anel ferroviário Camaçari – Porto de Aratu

Iwwa Agência
Publicado 22/11/2010 03:11:11

Começaram as obras de construção do anel ferroviário Camaçari – Porto de Aratu, que vão melhorar ainda mais a infraestrutura do Estado e do Município e facilitar o escoamento da produção industrial.

A ordem de serviço que autoriza os trabalhos foi assinada segunda-feira (22/11) pelo ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, em solenidade com as presenças do governador Jaques Wagner e do prefeito Luiz Caetano, realizada na Cidade do Saber.

A conclusão do anel ferroviário vai permitir a retirada da linha férrea do Centro da cidade, uma antiga reivindicação da população.

A variante ferroviária a ser construída em Camaçari possui 17,8 quilômetros de extensão e representa um investimento superior a R$ 140 milhões. A previsão é de que o projeto seja concluído no prazo de um ano e meio.

Com a obra, que vai gerar cerca de 5 mil novos postos de trabalho, entre empregos diretos e indiretos, o percurso entre o Pólo Industrial de Camaçari e o Porto de Aratu passará de 52 quilômetros para 36,4 quilômetros, o que representa uma redução de 15,6 quilômetros.

Além da redução do percurso, o traçado da nova variante ferroviária vai diminuir o custo operacional e dobrar a velocidade de 30km/h para 60 km/h, possibilitando a diminuição do tempo de viagem, hoje de 1h07minutos, para apenas 19 minutos.

Na avaliação do consultor técnico do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), Jailson Santos, responsável pela análise do projeto, o traçado da variante ferroviária de Camaçari apresenta linhas mais modernas e traçados melhores, com redução da inclinação das rampas, aumento dos raios das curvas e construção de quatro viadutos e quatro passagens de níveis inferiores.

De acordo com o secretário de Infraestrutura do Município, Everaldo Siqueira, a Prefeitura vai supervisionar a obra e oferecer apoio logístico ao DNIT, órgão responsável pela fiscalização da construção da variante ferroviária.

ALEGRIA

Alegre e emocionado, o prefeito Luiz Caetano aproveitou para agradecer as pessoas que apoiaram o Município na luta pela construção do anel ferroviário. Entre os citados, estava o ministro Paulo Sérgio Passos que garantiu o recurso do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) para a obra.

Durante o pronunciamento, o ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, declarou estar satisfeito em poder dizer que a obra de construção da variante ferroviária se inicia agora, após o período eleitoral, por reafirmar que faz parte de um governo que não faz obras para a eleição, mas sim para a sociedade e o país.

“O fato é que a obra vai beneficiar toda a unidade produtiva, ao mesmo tempo em que resolve o problema que há muito atormenta a população de Camaçari, que é retirar, definitivamente, o transporte de carga do centro da cidade”, afirmou o ministro. 

A luta do prefeito Caetano pela retirada da linha férrea do centro da cidade foi reconhecida pelo governador do Estado, Jaques Wagner. Ele observou ser muito importante que os governos apontem prioridades de ação e elaborem projetos de qualidade, etapas que Camaçari cumpriu e hoje pode comemorar com a autorização do ministro para o início das obras.

O ato de assinatura da ordem de serviço atraiu diversas autoridades a Camaçari, a exemplo do senador eleito Walter Pinheiro (PT), a deputada estadual eleita Luiza Maia (PT), a secretária estadual da Casa Civil, Eva Chiavon, o secretário de Infraestrutura do Estado, Wilson Brito, o diretor de Infraestrutura Ferroviária do DNIT, Geraldo Lourenço Neto, e o superintendente regional do DNIT na Bahia, Saulo Pontes, que compuseram a mesa oficial ao lado do prefeito de Camaçari, do ministro dos Transportes e do governador da Bahia.

Também marcaram presenças no evento o deputado federal Nelson Pelegrino (PT), o deputado estadual Bira Coroa (PT), o ouvidor do Estado, Jones Carvalho, o tenente-coronel do 12º Batalhão, Ivanildo Castro, os vereadores Alfredo, Bispo Jair, José Marcelino, Téo Ribeiro, Paulinho do Som, Carmem, Dílson Magalhães, Zé de Elíseo e Cléber Alves.

Ainda participaram os secretários municipais Ademar Delgado (Administração), Joelson Meira (Articulação com Estado e União), Ademar Lopes (Relações Institucionais), Francisco Franco (Governo), Paulo Cézar Gomes (Fazenda), Aurenita Castilho (Promoção da Mulher e da Reparação e da Mulher), Hélio Côrtes (Desenvolvimento Econômico), Djalma Machado (Habitação), Raimundo Blumetti (Esporte e Lazer), Camilo Pinto (Saúde), Valter Lima (Educação), Vital Vasconcelos (Cultura), José Cupertino (Desenvolvimento Urbano), Everaldo Siqueira (Infraestrutura), Eduardo Magalhães (Serviços Públicos), João Araújo (Superintendência de Trânsito e Transporte) e Domingos Barbosa (Limpec).

Slideshow | 3 fotos

Ministro autoriza início da obra do anel ferroviário Camaçari – Porto de Aratu

Mais Notícias

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 6 de dezembro de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 6 de dezembro de 2021

Camaçari tem selos Bandeira Azul renovados e hasteamento ocorre nesta terça (7/12)

Camaçari tem selos Bandeira Azul renovados e hasteamento ocorre nes...

Tranquilidade e organização marcam início da entrega dos cupons da Cesta de Natal na sede

Tranquilidade e organização marcam início da entrega dos cupons da ...

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.