Membros da entidade são empossados

Iwwa Agência
Publicado 16/06/2010 03:06:09

Tramita na Câmara de Vereadores de Camaçari o projeto de Lei nº 665/10, que institui os procedimentos de tombamento e registro para proteção do patrimônio histórico e cultural do Município.

A notícia foi dada nesta quarta-feira (16/06) durante a cerimônia de posse dos 45 membros do Conselho Municipal de Cultura. O evento foi realizado no auditório da Prefeitura.

Presente a solenidade, o prefeito Luiz Caetano afirmou que a iniciativa marca a história cultural do Município. “Não quero a cultura entre quatro paredes. Vamos botar a cultura nas ruas”, disse.

A elaboração do regimento interno do Conselho é a pauta do primeiro encontro da entidade, prevista para acontecer às 14h do dia 5 de julho, em local ainda a ser definido.

Dentre as ações a serem realizadas pelo Conselho estão a criação das políticas de editais para financiamento de projetos artístico-culturais e o censo cultural para a construção do Plano Municipal de Cultura, que prevê ações para os próximos 10 anos.

“O diálogo e o entendimento foram os sentimentos que marcaram o sucesso das ações empreendidas pela Secretaria da Cultura (Secult)”, é o que afirma o secretário e presidente do Conselho, Vital Vasconcelos.

Da mesma forma pensa a representante da Secretaria de Cultura do Estado, Saliha Rachid, que parabenizou Camaçari pela iniciativa. “É emocionante participar de um evento de posse com um auditório lotado. Isso demonstra a força e a importância da cultura para o Município”.

De acordo com Isabel Cely, representante da Companhia Teatral Corpo Cênico e integrante do grupo de Teatro Amador de Camaçari (TAC), valeu a pena esperar e assistir esse momento histórico.

“Foi uma longa gestação, mas fico feliz em poder ver nascer essa linda criança”, brinca Cely, que também é membro no Conselho.

CONSELHO

O Conselho Municipal de Cultura vai permitir um grande avanço na implantação de políticas públicas de preservação dos costumes locais e ampliação de projetos.

O Conselho é composto por 12 membros da sociedade civil e 11 do governo, com igual número de suplentes.

A entidade vai representar os segmentos artísticos da cidade, como dança, teatro, música, literatura, produção cultural, áudio visual, radiodifusão e novas mídias, artes visuais, artesanato e patrimônio cultural.

O mandato dos membros do Conselho é de três anos. No primeiro mandato, o cargo da presidência fica sob a responsabilidade do secretário da Cultura do Município, e nos seguintes, será definido pelos conselheiros.

Slideshow | 3 fotos

Membros da entidade são empossados

Mais Notícias

Prefeito entrega requalificação do CIEI Parque Real Serra Verde

Prefeito entrega requalificação do CIEI Parque Real Serra Verde

Sehab suspende atendimento presencial até dia 4 de fevereiro

Sehab suspende atendimento presencial até dia 4 de fevereiro

Sesp suspende atendimento presencial por medida de segurança

Sesp suspende atendimento presencial por medida de segurança

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.