Mais duas bailarinas de Camaçari no Bolshoi

Iwwa Agência
Publicado 21/10/2009 11:10:05

Camaçari aprova, pelo segundo ano consecutivo, mais duas alunas para integrar o corpo de bailarinos da Escola Teatro Bolshoi. Geisa Bonfim Menezes, 10 anos, e Pamela dos Santos Silva, 11 anos, alunas da Cidade do Saber, foram selecionadas para o curso de formação em dança, com duração de oito anos.

A efetivação da matrícula acontece em novembro e a viagem em fevereiro de 2010, quando terão início as aulas. Elas serão as mais novas moradoras da Casa de Camaçari em Joinville (SC) e se juntam a Alexandre dos Santos, 13 anos, Daiane da Silva, 11, Rodrigo Junior, 11, e Érica de Oliveira, 12, classificados em 2008.

O resultado saiu nesta quarta-feira (21/10). Pâmela dos Santos Silva acredita que sua vida vai mudar muito e agradece a Cidade do Saber pela oportunidade de correr atrás do sonho. No ano passado, ela fez o teste, mas não foi aprovada. Ela disse que não dormiu até ver o resultado a 1 hora da madrugada.

A mãe Joraildes Evangelista dos Santos está muito feliz e acredita no potencial da filha. “Ela é uma guerreira. Quando eu puder, vou ao encontro dela em Joinville”.

A outra selecionada Geisa Bonfim Menezes começou a fazer ginástica rítmica no início do ano passado, oferecido pela Cidade do Saber. Devido à desenvoltura em sala aula, foi chamada para o curso de balé. Segundo a mãe Genilda Batista Bonfim, a felicidade tomou conta da casa quando todos tiveram acesso à informação pelo site do Bolshoi. Ela acredita que a filha vai se dar muito bem no curso porque é determinada e confiante.

SELEÇÃO
Dos 500 candidatos que participaram do exame, realizados entre os dias 16 e 18 deste, quatro eram de Camaçari. Apesar da qualidade técnica, Yasmim Ferreira, 10 anos e Débora de Carvalho, 11 anos, não conseguiram pontuação suficiente para se classificar.

Geisa e Pâmela ganham bolsa de estudos de oito anos. Para realizar todo o curso, as alunas passam por avaliações semestrais para garantir a continuidade no curso.

Entre as atividades oferecidas, além de balé clássico estão dança folclórica, preparação e prática cênica, danças populares históricas, dramatização, maquiagem e literatura musical.

Durante o curso, o Bolshoi garante uniforme, transporte, alimentação durante aulas na instituição, mais tratamento com dentista, nutricionista e ortopedista.

As meninas ficarão hospedadas em um imóvel, chamado Casa Social de Camaçari. O local foi alugado e equipado pela Prefeitura em parceria com a Cidade do Saber, que também garantem a alimentação e transporte.

Foto: Carol Garcia

Pâmela e Geisa começam a estudar em fevereiro de 2010 -

Mais Notícias

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 27 de novembro de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 27 de novembro de 2021

Feira Multicultural e Ambiental é iniciada na Costa do município

Feira Multicultural e Ambiental é iniciada na Costa do município

Prefeitura investe em mais uma capacitação para os servidores

Prefeitura investe em mais uma capacitação para os servidores

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.