GGIM faz balanço do Pronasci

Iwwa Agência
Publicado 06/01/2011 04:01:49

Apresentar o balanço das atividades do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci) e discutir ações que visem a diminuição da violência e da criminalidade em Camaçari. Estes foram os assuntos abordados durante a primeira reunião do ano do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM).

No encontro, foi apresentada também a pesquisa qualitativa sobre a percepção da população em relação aos programas do governo municipal, com destaque para a área de segurança.

O estudo foi desenvolvido pela Fundação da Escola de Administração (FEA), da Universidade Federal da Bahia – UFBA, em dezembro do ano passado. De acordo com a secretária do Desenvolvimento Social, Jailce Andrade, o dado mais relevante foi a avaliação positiva da população quanto a atuação da polícia no Município.

“A pesquisa mostra que 72% dos entrevistados aprovam a atuação da polícia”, destacou a secretária executiva do GGIM. 

Para o assessor especial do prefeito, Gerson Oliveira, que estruturou a pesquisa qualitativa, o resultado foi surpreendente. “Apesar de a população considerar que a segurança pública é um dos maiores problemas do Município, ela faz uma avaliação positiva dos órgãos repressivos e considera que a atuação da polícia é satisfatória”.

No decorrer do encontro ainda foram apresentadas as próximas ações para este ano, como a inauguração da casa do Pronasci, no Phoc, a implantação do projeto Profuturo, voltado para jovens do Município, a reestruturação do Programa de Esporte e Lazer na Comunidade (Pelc) e do Projeto Mulheres da Paz, além da implantação do Observatório de Violência e Criminalidade, um projeto desenvolvido pelo Ministério da Justiça, que visa fazer um mapeamento do Município de Camaçari.   

Para a mediadora do encontro, Jailce Andrade, a avaliação da reunião foi positiva. “Começamos o ano trançando metas para 2011. A idéia é transformar Camaçari num Município de excelência em segurança pública”.

Também participaram da reunião, os secretários municipais da Educação (Seduc), Luiz Valter Lima, de Relações Internacionais (Serin), Ivanildo Antônio, da Promoção da Mulher e da Reparação (Seprom), Aurenita Castillo, o presidente do Conselho de Segurança Pública do Município, Paulo Mandim, o coordenador do Orçamento Participativo, Raimundo Diácono, a coordenadora do Pronasci, Ana Gomes, a subsecretária da Cultura, Elisângela Sena, e a representante da ouvidoria do Município, Léa Prado.

Ainda marcaram presença, os comandantes do 12º Batalhão da Polícia Militar (PM), tenente-coronel Ivanildo Castro, da Companhia Independente de Polícia Especializada do Pólo Industrial (Cipe-PI), Major Píton, e da 59ª Companhia da Polícia Militar de Arembepe, tenente-coronel Eduardo Campos, bem como o tenente Saniev Domitílio, do Batalhão da Pólicia Rodoviária do Estado, e o cabo Emerson Santos,  do Tiro de Guerra.      

Foto: Nelinho Oliveira

A Sedes ainda apresentou uma pesquisa sobre segurança pública -

Mais Notícias

Concessão da Rodoviária e estudo de zona azul são temas de reunião

Concessão da Rodoviária e estudo de zona azul são temas de reunião

Café Filosófico Oluwo virtual reuni profissionais de educação

Café Filosófico Oluwo virtual reuni profissionais de educação

Prefeitura decreta recesso para o funcionalismo público no fim do ano

Prefeitura decreta recesso para o funcionalismo público no fim do ano

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.