Feira orienta sobre acidentes e saúde do trabalhador

Iwwa Agência
Publicado 28/04/2010 02:04:54

Chamar a atenção da sociedade e das autoridades para a questão da segurança no trabalho é o objetivo da 1ª Feira em Saúde do Trabalhador. O evento aconteceu nesta quarta-feira (28/04), no estacionamento do Centro Comercial.

A feira é promovida pelo Cerest (Centro de Referência em Saúde do Trabalhador), que atua na área com ações que visam à proteção, à promoção da saúde, o controle de riscos e a prevenção de agravos. O evento conta com o apoio da Secretaria da Saúde (Sesau), da Secretaria do Esporte e Lazer (Sedel), da Limpec e de diversas escolas técnicas de segurança do trabalho.

No evento, os trabalhadores foram atendidos por profissionais da Sedel, que realizaram avaliação antropométrica (exame que avalia massa muscular, peso e altura) e, a partir daí, mensurar os riscos cardiovasculares e da diabete tipo 2.

Os profissionais da Sesau estiveram no espaço realizando aferição de pressão e teste de glicemia. A Limpec chamou a atenção para a questão da educação ambiental e fizeram a exposição de materiais reciclados. Já as escolas técnicas expuseram e orientaram sobre o uso dos EPIs (Equipamentos de Proteção Individuais) e distribuiram e orientaram o uso do protetor auricular.

O Cerest fez exposição de murais, banners e projeção de slides educativos. Também foi exibido um vídeo com estudo das demandas de acidentes de trabalho no período entre 2004 e 2007.

Segundo os dados do estudo, os casos mais freqüentes e procurados pelos profissionais de Camaçari são os de Ler/Dort (Lesão por Esforço Repetitivo e Distúrbios Osteomusculares relacionadas ao trabalho), que englobam as doenças: transtornos lombar e cervical, STC (Síndrome do túnel do carpo) e tendinite de ombro.

Os profissionais do sexo masculino são os mais afetados e a faixa etária mais atingida está entre pessoas de 30 a 49 anos, com ensino médio completo, predominando a cor parda. O ramo de atividade que tem mais trabalhadores adoentados é a indústria, seguida da construção civil. Ficou constatado também que, muitas vezes nas empresas, os acidentes são previstos e poderiam ser evitados.

DATA
A data foi escolhida porque em 28 de abril de 1969 a explosão de uma mina nos Estados Unidos matou 78 trabalhadores. A tragédia marcou a data como o Dia Mundial em Memória às Vítimas de Acidentes do Trabalho.

Engajado nessa luta, mas com foco na prevenção, a Organização Internacional do Trabalho (OIT) instituiu, em 2003, a data como o Dia Mundial de Segurança e Saúde no Trabalho.

CEREST
O Cerest de Camaçari, que está subordinado ao Departamento de Vigilância em Saúde da Sesau, conta, atualmente, com uma equipe interdisciplinar que envolve medicina do trabalho, serviço social, psicologia, fisioterapia, terapia ocupacional, segurança do trabalho, engenharia e higiene ocupacional e sociologia.

Entre as atribuições destacam-se atenção à saúde do trabalhador, educação e comunicação em saúde, vigilância de ambientes e processos de trabalho e sistema de informação. Qualquer trabalhador pode procurar o órgão para orientação sobre acidente ou suspeita de doença ocupacional.

Slideshow | 2 fotos

Feira orienta sobre acidentes e saúde do trabalhador

Mais Notícias

Camaçari é 3ª cidade da Bahia em ranking do Tesouro Nacional

Camaçari é 3ª cidade da Bahia em ranking do Tesouro Nacional

Servidores da Secult participam de capacitação entre 5 e 8 de julho

Servidores da Secult participam de capacitação entre 5 e 8 de julho

Controlador-Geral comenta aprovação das contas municipais pelo TCM

Controlador-Geral comenta aprovação das contas municipais pelo TCM

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.

AFFPAY AFFPAY Signup AFFPAY Loginp AFFPAY Affiliates Terms AFFPAY Advertisers Terms AFFPAY Privacy Policy AFFPAY FAQ AFFPAY Contact us