Educação de Camaçari é referência estadual

Iwwa Agência
Publicado 28/04/2009 09:04:44

Camaçari comemora o Dia Nacional da Educação com avanços e melhorias no ensino público. Todos os 87 centros educacionais do Município passaram por algum tipo de intervenção e o trabalho de qualificação e incentivo à educação, baseado nos sete eixos, tem feito da cidade referência no Estado.

Hoje, as escolas contam com informática, internet e robótica, implantada em 100% dos centros educacionais. O programa de reestruturação da educação inclui ainda, distribuição de computadores para professores que estejam em sala de aula. Ao todo, 1.200 docentes são beneficiados com a iniciativa.

Outro diferencial é a merenda escolar, uma conquista que marca a revolução do ensino municipal, oferecida através de um cardápio balanceado e com alto valor nutritivo. Por mês, são fornecidas 24 toneladas de alimentos aos cerca de 50 mil alunos da rede. A leitura também é estimulada e as bibliotecas escolares têm, hoje, cerca de 200 mil livros.

As ações ficam mais evidentes quando se observa a infraestrutura. As escolas ganharam um padrão estético de primeira qualidade com paisagismo, acessibilidade para deficientes, novas quadras de esporte e estacionamento.

O incentivo a aprendizagem inclui os programas Educação para Jovens e Adultos (EJA), ensino da cultura afro-brasileira através do Projeto Mojú e a implantação das mesas educacionais (ferramentas pedagógicas compostas por módulos eletrônicos e softwares educacionais, que atendem vários objetivos de aprendizagem).

A educação de Camaçari tem ainda os programas Proinfantil e Proinfância que trabalham com professores da educação infantil e creches e o E7 em Cena (mostra de experiências pedagógicas baseada nos sete eixos da educação).

Segundo a coordenadora pedagógica da Secretaria de Educação (Seduc), Carmem Lúcia Santos, a formação continuada dos professores e funcionários tem sido um diferencial importante para as mudanças que tem acontecido em toda a rede. “A evasão escolar diminui a cada dia e 1.032 pessoas foram alfabetizadas através dos programas Brasil Alfabetizado e Alfabetiza Camaçari”.

NOVOS PROJETOS
Este ano, estudantes de 28 escolas municipais de Camaçari serão atendidos com o programa Mais Educação. A finalidade é aumentar as horas de aula e a qualidade do ensino para crianças, adolescentes e jovens da rede pública de ensino.

Ao todo, serão 2.800 pessoas beneficiadas, sendo 100 alunos por escola. O programa atende estudantes das séries finais do ensino fundamental 1, 2 e do programa fluxo, composto por alunos que não se alfabetizaram no tempo regular.

Outra iniciativa importante é o Mais Merenda nas Escolas, inicialmente previsto para atuar em 40 centros educacionais, sendo 20 da sede e 20 da orla. O projeto beneficia 28 mil alunos, representando 56% dos estudantes matriculados na rede municipal.

A proposta é servir uma refeição a mais na hora da chegada e saída dos alunos, dos estabelecimentos de ensino, oferecendo um cardápio composto por leite e pão de soja com margarina.

PRÊMIOS
A educação também rendeu à Camaçari os prêmios Integración LatinoAmericano 2008, por conta da implementação de programas que estimulam a inclusão digital, robótica, arte, esporte, capacitação e cidadania dentro e fora da escola e o Prêmio Gestor Eficiente da Merenda Escolar, de 2007, dado pela ONG Ação Fome Zero, graças à merenda escolar oferecida pelo Município.

Slideshow | 5 fotos

Educação de Camaçari é referência estadual

Mais Notícias

Secult se reúne com agentes culturais em visita à Lagoa da Paz

Secult se reúne com agentes culturais em visita à Lagoa da Paz

Observatório de Dados é lançado pela Secult

Observatório de Dados é lançado pela Secult

Gestoras se reúnem para dialogar sobre o Horto Florestal

Gestoras se reúnem para dialogar sobre o Horto Florestal

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.