Defesa Civil e construtora se reúnem com comerciantes da Avenida Rio Camaçari

Ascom
Publicado 29/11/2022 02:11:09

Em atendimento à solicitação feita por donos de estabelecimentos comerciais e moradores, vizinhos da ponte da Avenida Rio Camaçari, que está interditada para obras, a Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil (Compdec) de Camaçari mediou, na manhã desta terça-feira (29/11), um encontro da comunidade local com representantes da empresa executora da obra. No encontro, foram tratados assuntos referentes ao início das obras, instalação de passarela para pedestre, término das intervenções, entre outros.

Conduzindo a reunião, o coordenador da Defesa Civil, Ivanaldo Soares, apresentou o diretor da AMF Engenharia e Serviços, Marcelo Batista; e da engenheira responsável pelo projeto da nova ponte, Kamila Maia. “Este é um momento para a população apresentar seus questionamentos e insatisfações, para a empresa esclarecer as questões técnicas da obra, e para o governo explicar a necessidade da construção do novo equipamento”, pontuou o coordenador.

Questionado por um morador local sobre a obrigatoriedade de interdição da via, Marcelo explicou que o bloqueio se deu em função da dificuldade de conseguir espaço para instalar o canteiro da obra. “Tentamos nos fixar neste terreno aqui ao lado, e naquele espaço de estacionamento, mais próximo à praça, porém, fomos impossibilitados, e a única alternativa foi montar o equipamento na via”, explicou.

Durante o encontro, os moradores quiseram saber o motivo do atraso da obra, e foi exposto pelo representante da construtora, que para iniciar a obra, eles dependem de uma perfuratriz hidráulica, que vem de Vitória da Conquista. “A máquina precisou passar por um conserto, antes de vir para cá. Enquanto esperávamos, entramos em contato com empresas da região, mas eles não tinham o equipamento disponível para locação. A previsão é que chegue no máximo, na próxima terça-feira, quando começaremos os trabalhos mais pesados”, justificou.

Preocupados com o tempo previsto de conclusão da obra, os comerciantes quiseram saber sobre como se dará a carga horária de trabalho dos operários. Diante da indagação, o diretor da empresa garantiu, que “para entregar o equipamento o mais rápido possível, vamos operar todos os dias, inclusive, aos sábados e domingos, com carga horária de até 12 horas/dia de trabalho. Todas as nossas obras são executadas desta forma, e entregamos no prazo combinado”.

Outra preocupação que os munícipes apresentaram, tem relação com o tráfego de pedestre no local, enquanto a nova ponte estiver em construção. “A montagem de uma passarela, já está em nosso planejamento. Ela será erguida com toda a segurança necessária para passagem de pedestres. Podem ter certeza, de que não vamos bloquear a ponte completamente, sem antes instalarmos o equipamento”, destacou Marcelo.

Firmando um compromisso com a população, em busca de minimizar os impactos negativos da obra, a engenheira Kamila garantiu que estará no canteiro todos os dias, e se colocou à disposição da população. “Estaremos aqui, eu e minha equipe, para o que precisarem. Estamos à disposição para escutar suas sugestões para melhorias, vocês podem nos procurar. Estamos aqui para fazer este trabalho, junto com vocês”, afirmou.

Ao final da reunião, Ivanaldo comunicou que encaminhará ofícios para os órgãos responsáveis, conforme necessidades apresentadas sobre melhor iluminação e mais segurança no trabalho; agradeceu a participação de todos, e finalizou dizendo, “esta será uma obra histórica para nossa cidade. Há décadas a população reivindica este equipamento, e nenhum governo anterior teve a coragem de fazer. Os transtornos existem, como em qualquer outra obra, mas quando pensamos nos benefícios que vêm depois, tudo vale a pena”.

Mais Notícias

Programa similar ao Sesau Fila Zero será lançado pelo MS e deve beneficiar ainda mais a população de Camaçari

Programa similar ao Sesau Fila Zero será lançado pelo MS e deve ben...

GTC inicia trabalhos de 2023 apresentando resultados e alinhando próximas ações

GTC inicia trabalhos de 2023 apresentando resultados e alinhando pr...

Ano Letivo 2023 é iniciado na Rede Pública Municipal de Ensino de Camaçari

Ano Letivo 2023 é iniciado na Rede Pública Municipal de Ensino de C...

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.

AFFPAY AFFPAY Signup AFFPAY Loginp AFFPAY Affiliates Terms AFFPAY Advertisers Terms AFFPAY Privacy Policy AFFPAY FAQ AFFPAY Contact us