Conferência amplia debate sobre direitos humanos

ASCOM BOT
Publicado 09/09/2008 01:09:46

Diversos segmentos da sociedade, a exemplo de negros, mulheres, portadores de deficiência, políticos, delegados, professores, servidores, índios e gays participaram nesta terça-feira (09/09), na Cidade do Saber Professor Raymundo Pinheiro, da 1ª Conferência Territorial que discutiu Direitos Humanos.

Além de Camaçari, estiveram presentes representantes de Candeias, Salinas das Margaridas, Itaparica, Salvador, Mata de São João, São Sebastião do Passé, Dias D’Avila e Lauro de Freitas.

O evento foi aberto pelo deputado estadual Yulo Oiticica (PT), que parabenizou o Município pela conferência. Segundo ele, é preciso garantir políticas públicas e sociais para o fortalecimento da democracia.

De acordo com Paulo Paixão, presidente do Grupo Gay de Camaçari (GGC), o Município sai na frente abrindo caminho para todos os segmentos sem distinção, propondo a discussão sem preconceitos, onde todos têm voz.

A Unegro (União de Negro pela Igualdade), que esteve representada pelo coordenador Alailton Dias, também se sentiu contemplada e colocou como proposta a criação de uma secretaria para proteção dos negros.

Os resultados e propostas dos seis grupos de trabalho, composto por representantes das entidades, serão encaminhados à Conferência Estadual, que acontece de 15 a 17 deste mês, no Centro de Convenções da Bahia.

Foto: Nelinho Oliveira

Mais de 300 pessoas participaram do encontro -

Mais Notícias

Mais 1.660 doses de vacina contra Covid-19 chega a Camaçari

Mais 1.660 doses de vacina contra Covid-19 chega a Camaçari

Camaçari sedia 1ª Etapa do Campeonato Baiano de BMX

Camaçari sedia 1ª Etapa do Campeonato Baiano de BMX

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 24 de Janeiro de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 24 de Janeiro de 2021

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.