Cidade do Saber inicia Projeto Ponto Móvel

Iwwa Agência
Publicado 26/06/2009 10:06:07

As atividades do mais importante espaço de cultura, educação e lazer de Camaçari, chegam à população da orla. No próximo sábado (04/07), acontece a inauguração do projeto Cidade do Saber Ponto Móvel.

A cerimônia está prevista para as 16h, na praça Conselheiro Rafael Vieira, em Monte Gordo, onde o projeto será apresentado. Mostras das atividades do complexo de inclusão completam a programação.

A partir do dia 6 de julho, serão realizadas oficinas de arte-educação, pintura em tela, em camisa e artes plásticas, além de apresentação peças teatrais.

A população ainda terá acesso a uma biblioteca, que reúne um acervo de mil obras literárias e revistas, brinquedoteca, lan house com três computadores e uma televisão de plasma que será utilizada para exibição de filmes.

A proposta é democratizar o acesso à cultura, esporte, arte e educação, às pessoas que não podem se deslocar até o complexo de inclusão social, localizado na sede. Na primeira etapa serão beneficiadas três mil pessoas.

Para o presidente da Associação Centro de Desenvolvimento Comunitário de Monte Gordo, Afonso Ligori de Oliveira, o projeto incentiva a comunidade a participar de atividades de esporte e cultura, além de ser um instrumento de inclusão social.

“Como não se pode construir uma Cidade do Saber em cada localidade de Camaçari, ela tem que vir até aos moradores. Isso é bom porque a vontade do povo de preservar a cultura, antes estimulada em Monte Gordo através do projeto A Caminho da Ternura, vai continuar. Com o projeto, nascem várias oportunidades de aprendizado e crescimento, inclusive para os artistas locais”, diz Ligori.

A primeira localidade beneficiada é Barra do Pojuca, seguida de Monte Gordo, Barra do Jacuípe e Areias. As atividades acontecem de segunda a quinta-feira, das 8h às 17h, permanecendo um dia em cada local, durante três meses.

Nas sextas-feiras, a equipe que coordena e executa o projeto se reúne para planejamento interno e avaliação da opinião popular. O atendimento retorna no sábado, com a pré-seleção do projeto Palco da Cidade e aula de ginástica.

A possibilidade de acesso gratuito à cultura e esporte anima o garçom, Erival Barroso Bispo, que há 28 anos reside em Barra do Pojuca. “O melhor de tudo isso é que as pessoas podem se divertir e capacitar sem precisar gastar nada”.

Todos os serviços serão realizados por educadores, administradores e coordenadores. O projeto é desenvolvido em parceria com a Sol Meliá, que doou R$ 279 mil para compra do caminhão, equipamentos e adaptação do baú, cedido pela Secretaria da Cultura (Secult) de Camaçari.

PALCO DA CIDADE
No palco do Ponto Móvel acontecerá a pré-seleção do Palco da Cidade. O projeto consiste na realização de quatro programas de auditório, que acontecem uma vez por mês (de julho a outubro).

A estréia está marcada para o dia 27 de julho, a partir das 18h, no teatro da Cidade do Saber Professor Raymundo Pinheiro.

Cada um dos programas contará com a apresentação de dez candidatos à Revelação do Palco da Cidade, todos pré-selecionados nos eventos classificatórios realizados na orla. O projeto Palco da Cidade é uma iniciativa do complexo de inclusão social, em parceria com a Secretaria da Cultura.

Foto:

Caminhão possui biblioteca, lan house, tv e brinquedoteca -

Mais Notícias

Prefeito vistoria iluminação do novo Horto Florestal

Prefeito vistoria iluminação do novo Horto Florestal

População de 12 anos acima é convocada para vacinação contra Covid

População de 12 anos acima é convocada para vacinação contra Covid

Pré-conferência de Saúde da costa de Camaçari elege delegados e propostas

Pré-conferência de Saúde da costa de Camaçari elege delegados e pro...

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.