Centro Yolanda Pires fica pronto em dezembro

ASCOM BOT
Publicado 18/09/2008 09:09:41

As obras do Centro de Referência da Mulher (CRM) Yolanda Pires estão bem adiantadas. A previsão é de que até dezembro o espaço esteja pronto e totalmente equipado.

Camaçari é o quinto município da Bahia a implantar a unidade, além de ser um dos poucos a ter uma secretaria voltada para as políticas de gênero.

O projeto vai beneficiar, por mês, cerca de 300 mulheres em situação de violência e vulnerabilidade. Um marco para a cidade, o espaço pretende oferecer conforto e qualidade no atendimento psicossocial e jurídico, além de terapias e primeiros socorros. Também serão promovidas palestras, oficinas e atividades lúdicas.

O centro está localizado na rua da Ambrósia, s/n, próxima a Escola Luis Pereira, no bairro 2 de Julho. Vão trabalhar na unidade 15 colaboradores, entre psicólogos, advogados, terapeutas, assistentes sociais, enfermeiros, recepcionistas, copeiras, vigilantes e auxiliares de serviços gerais. A obra está orçada em mais de R$ 500 mil.

Com área construída de 375 metros quadrados, o espaço terá duas salas para atendimento jurídico, duas para acompanhamento psicológico, uma administrativa, uma de enfermagem, duas para terapia, copa/cozinha, cinco banheiros, sendo um apropriado para portadores de necessidades especiais, e um auditório com capacidade para 80 pessoas.

A implantação do centro de referência Yolanda Pires é um projeto da Secretaria da Mulher (Semu), em parceria com a Secretaria de Infra-Estrutura.

Foto: Agnaldo Silva

Centro Yolanda Pires vai beneficiar 300 mulheres por mês -

Mais Notícias

Vacinação contra Covid-19 avança no grupo prioritário da 1ª fase

Vacinação contra Covid-19 avança no grupo prioritário da 1ª fase

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 26 de Janeiro de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 26 de Janeiro de 2021

Carnê do IPTU já está disponível nos canais on-line

Carnê do IPTU já está disponível nos canais on-line

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.