CCZ promove atividades educativas

Iwwa Agência
Publicado 14/02/2013 01:02:05

A prevenção é a melhor maneira de evitar a proliferação de mosquitos, especialmente no verão, período em que o forte calor contribui para a aparição dos insetos. 

Ações simples e diárias contribuem com a redução e até com a eliminação dos insetos indesejáveis, que podem ser transmissores de doenças.

Para esclarecer a população sobre os meios de prevenção ao aparecimento de mosquitos, a Sesau (Secretaria Municipal da Saúde), através do CCZ (Centro de Controle de Zoonoses), realiza diversas atividades educativas nas comunidades.

Entre as principais orientações estão a limpeza das residências e entorno, evitar o acumulo de lixo e entulhos, manter as lixeiras fechadas e não deixar embalagens e recipientes expostos a chuva e sol, pois tanto o acúmulo de água ou suja oferece condições propícias para criadouros de mosquitos.

Existem também os cuidados básicos e ações de rotina para conter o avanço dos mosquitos como o Aedes Aegypti, transmissor da dengue. Neste caso, é importante não deixar caixas d’água descobertas, colocar areia nos vasos de planta, limpar as calhas dos imóveis e não deixar pneus expostos à chuva e ao sol.

Além do trabalho educacional, a Sesau executa diversas iniciativas de combate à proliferação de mosquitos. Uma das estratégias são as operações de UBV (Ultra Baixo Volume), popularmente conhecida como carro-fumacê. A ferramenta é utilizada apenas quando existe a possibilidade de um quadro de epidemia de dengue.

Neste caso, a ação visa cortar o ciclo de transmissão da doença intervindo na continuidade da epidemia. Se a situação não for controlada na primeira fase, são iniciadas as operações de UBV pesado, de caráter transitório e emergencial, realizadas com objetivo de acabar o estado de epidemia.

O coordenador do Departamento de Vigilância em Saúde de Camaçari, Celso Amorim, explica que o carro-fumacê lança um inseticida no ar, o que pode provocar algum impacto no meio ambiente se utilizado de forma indiscriminada. Ele esclarece que a ação mata apenas o mosquito que estiver voando e não elimina o foco e nem as larvas, “por isso é tão importante a participação efetiva da comunidade”, completa.

 

 

Foto: Agnaldo Silva

Verão contribui para o aumento de mosquitos -

Mais Notícias

Prefeito vistoria iluminação do novo Horto Florestal

Prefeito vistoria iluminação do novo Horto Florestal

População de 12 anos acima é convocada para vacinação contra Covid

População de 12 anos acima é convocada para vacinação contra Covid

Pré-conferência de Saúde da costa de Camaçari elege delegados e propostas

Pré-conferência de Saúde da costa de Camaçari elege delegados e pro...

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.