Camaçari recebe mais R$ 2 milhões do PAC

Iwwa Agência
Publicado 08/05/2008 04:05:08

Camaçari vai receber R$ 2 milhões do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) para investir na qualificação e inserção dos beneficiados do Bolsa Família no mercado de trabalho. Desenvolvido através do Plano Setorial de Qualificação Nacional da Construção Civil (Planseq), o novo projeto atende pessoas de 18 a 60 anos que tenham concluído, no mínimo, o ensino primário (de 1ª a 4ª série).

Segundo a Secretaria Municipal da Segurança Alimentar e Benefícios Sociais (Seabes), a partir de quarta-feira (14/05), as 17.748 pessoas atendidas pelo Bolsa Família, em Camaçari, vão receber uma carta do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) informando sobre o programa de capacitação. Um integrante da família será convocado a comparecer na Seabes para se inscrever nos cursos disponíveis. Do total, 30% das vagas serão reservadas para as mulheres.

A iniciativa tem como principal objetivo promover autonomia financeira da população mais carente. Dentre os cursos oferecidos, todos na área de construção civil, estão os de pedreiro, azulejista, encanador, pintor e carpinteiro. Na avaliação do secretário da Seabes, Antonio Souza, o curso de pedreiro, por exemplo, chega em uma hora bastante oportuna, diante da expansão do mercado imobiliário no Município.

O diferencial do curso oferecido pelo Planseq é o fato de que as pessoas qualificadas terão o emprego garantido antes mesmo de concluírem o curso. As empresas que realizam as obras do PAC terão de contratar, obrigatoriamente, as pessoas que integram o programa.

Dividido em duas etapas, o curso terá 80 horas de aula teórica e 120 horas de aula prática, ministradas nas empresas. Durante a segunda etapa do curso, os alunos serão contratados como ajudantes, com piso salarial igual ao da categoria. A medida será garantida por decreto federal.

O Planseq integra o Plano Nacional de Qualificação do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e será implementado, em Camaçari, através da parceria entre o MDS, o MTE e das secretarias municipais da Indústria, Comércio e Serviço (Seinc) e Seabes.

Ao todo, o Governo Federal vai investir R$ 150 milhões no programa, que vai beneficiar 13 regiões metropolitanas do país. Compete às prefeituras disponibilizar o espaço físico para o curso e o transporte dos alunos.

Foto: Marina Silva

Recurso vai qualificar beneficiados pelo Bolsa Família -

Mais Notícias

Palestras marcam abertura da 11ª Conferência dos Direitos da Criança e do Adolescente

Palestras marcam abertura da 11ª Conferência dos Direitos da Crianç...

Defesa Civil e construtora se reúnem com comerciantes da Avenida Rio Camaçari

Defesa Civil e construtora se reúnem com comerciantes da Avenida Ri...

Paralisação dos servidores municipais impacta na vacinação contra Covid em Camaçari

Paralisação dos servidores municipais impacta na vacinação contra C...

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.

AFFPAY AFFPAY Signup AFFPAY Loginp AFFPAY Affiliates Terms AFFPAY Advertisers Terms AFFPAY Privacy Policy AFFPAY FAQ AFFPAY Contact us