Camaçari recebe mais R$ 2 milhões do PAC

Iwwa Agência
Publicado 08/05/2008 04:05:08

Camaçari vai receber R$ 2 milhões do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) para investir na qualificação e inserção dos beneficiados do Bolsa Família no mercado de trabalho. Desenvolvido através do Plano Setorial de Qualificação Nacional da Construção Civil (Planseq), o novo projeto atende pessoas de 18 a 60 anos que tenham concluído, no mínimo, o ensino primário (de 1ª a 4ª série).

Segundo a Secretaria Municipal da Segurança Alimentar e Benefícios Sociais (Seabes), a partir de quarta-feira (14/05), as 17.748 pessoas atendidas pelo Bolsa Família, em Camaçari, vão receber uma carta do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) informando sobre o programa de capacitação. Um integrante da família será convocado a comparecer na Seabes para se inscrever nos cursos disponíveis. Do total, 30% das vagas serão reservadas para as mulheres.

A iniciativa tem como principal objetivo promover autonomia financeira da população mais carente. Dentre os cursos oferecidos, todos na área de construção civil, estão os de pedreiro, azulejista, encanador, pintor e carpinteiro. Na avaliação do secretário da Seabes, Antonio Souza, o curso de pedreiro, por exemplo, chega em uma hora bastante oportuna, diante da expansão do mercado imobiliário no Município.

O diferencial do curso oferecido pelo Planseq é o fato de que as pessoas qualificadas terão o emprego garantido antes mesmo de concluírem o curso. As empresas que realizam as obras do PAC terão de contratar, obrigatoriamente, as pessoas que integram o programa.

Dividido em duas etapas, o curso terá 80 horas de aula teórica e 120 horas de aula prática, ministradas nas empresas. Durante a segunda etapa do curso, os alunos serão contratados como ajudantes, com piso salarial igual ao da categoria. A medida será garantida por decreto federal.

O Planseq integra o Plano Nacional de Qualificação do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e será implementado, em Camaçari, através da parceria entre o MDS, o MTE e das secretarias municipais da Indústria, Comércio e Serviço (Seinc) e Seabes.

Ao todo, o Governo Federal vai investir R$ 150 milhões no programa, que vai beneficiar 13 regiões metropolitanas do país. Compete às prefeituras disponibilizar o espaço físico para o curso e o transporte dos alunos.

Foto: Marina Silva

Recurso vai qualificar beneficiados pelo Bolsa Família -

Mais Notícias

Tiro de Guerra de Camaçari forma 37 atiradores

Tiro de Guerra de Camaçari forma 37 atiradores

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 1º de dezembro de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 1º de dezembro de 2021

Programação diversificada anima Agenda Cultural

Programação diversificada anima Agenda Cultural

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.