Camaçari homenageia delegado

Iwwa Agência
Publicado 27/05/2011 01:05:17

Na tarde de quinta-feira (26/05), a Prefeitura de Camaçari prestou diversas homenagens ao delegado Clayton Leão, morto no dia 26 de maio de 2010. Houve a renomeação da rua da Rodoviária,  endereço da 18ª CP (Circunscrição Policial), delegacia onde o policial  trabalhou por quase dois anos, e uma missa na Catedral de São Thomaz de Cantuária. Com a mudança de nome, a via passa a chamar rua Delegado Clayton Leão Chaves.

Durante a cerimônia de renomeação, muita emoção por parte das autoridades locais, policiais, familiares, amigos e da população. O secretario de Relações Institucionais, Ademar Lopes, que na oportunidade representou o prefeito Luiz Caetano, revelou que a troca de nome da rua é uma singela homenagem ao delegado, tendo em vista a coragem que ele teve no combate à criminalidade, reduzindo significativamente os índices de violência no Município.

Autor do requerimento para a troca do nome da rua, o vereador Dílson Magalhães (PSC) disse que cumpriu uma solicitação da população, que realizou um abaixo assinado com cerca de 2 mil assinaturas. “Foram muitas as contribuições prestadas pelo policial no Município”, explicou o vereador.

MISSA

A missa em memória do delegado Clayton Leão foi celebrada pelo bispo da Diocese São Thomaz de Cantuária, Dom João Carlos Petrini, que destacou a coragem do delegado e lembrou que a paz “é o caminho mais curto para um mundo melhor”.

Muito emocionada, a secretaria do Desenvolvimento Social, Jailce Andrade, prestou uma homenagem ao policial, que realizou diversos trabalhos em parceria com a Sedes (Secretaria do Desenvolvimento Social), através do Pronasci (Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania). “Clayton foi um visionário que tinha como bandeira a integração das polícias e as atividades sociais que o aproximavam da comunidade”, disse a secretária durante pronunciamento na missa.

Também estiveram presentes os secretários da Educação, Luiz Valter Lima, da Mulher e da Reparação, Aurenita Castillo, do Desenvolvimento do Turismo, Waldy Freitas, dos Serviços Públicos, Eduardo Magalhães, das Relações Internacionais, Raimundo Blumetti, além do coordenador Municipal de Segurança Pública, coronel Aloísio Campos Filho.

Ainda marcaram presença a deputada estadual Luiza Maia, a delegada titular da Deam (Delegacia Especial de Atendimento à Mulher) de Camaçari, Thaís Siqueira, o delegado titular da 18ª CP de Camaçari, Nilton Borba, o ex-delegado geral da Polícia Civil da Bahia, Joselito Bispo, o coordenador da Polícia Civil, Edílson Magalhães, o subsecretário de Segurança Pública da Bahia, Ari Pereira, e a Chefe de Gabinete da Polícia Civil, Emília Blanco.

DELEGADO

Clayton Leão assumiu o comando da 18ª Delegacia de Polícia de Camaçari em dezembro de 2008, quando intensificou o combate à criminalidade e ao tráfico de drogas no Município.

Parceiro do Pronasci e participante ativo das reuniões do Território da Paz, se tornou um companheiro da comunidade dos bairros Phoc 1, 2 e 3, além de ter dado importantes contribuições para execução do Plano Municipal de Segurança de Camaçari.

O delegado foi assassinado no dia 26 de maio de 2010, na estrada da Cascalheira, durante uma tentativa frustrada de assalto.

Slideshow | 3 fotos

Camaçari homenageia delegado

Mais Notícias

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 17 de setembro de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 17 de setembro de 2021

Defesa Civil interdita imóvel por ameaça de desabamento

Defesa Civil interdita imóvel por ameaça de desabamento

Projeto

Projeto "Das Telas às Imagens" promove exposição itinerante

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.