Camaçari amplia ações para melhorar segurança

Iwwa Agência
Publicado 23/04/2008 02:04:58

Camaçari intensifica cada vez mais o combate à violência, com a ampliação das operações de ronda, blitze e palestras educativas. Com o apoio da Prefeitura, que disponibiliza 25 veículos, combustível e alimentação, as polícias Militar e Civil intensificam o trabalho de inteligência e identificação das gangues e grupos que atuam no Município. As ações fazem parte do Plano Integrado de Segurança.

Para fortalecer ainda mais o trabalho, o prefeito Luiz Caetano esteve reunido com o secretário de Segurança Pública (SSP), César Nunes, na tarde de terça-feira (22/04), no Centro Administrativo da Bahia (CAB).

Na ocasião, o prefeito cobrou mais viaturas para a polícia em Camaçari, liberação de pagamento da hora-extra, coletes à prova de bala e implantação de delegacias especializadas em tóxicos, homicídios e roubo de veículos. Para atender 220 mil habitantes, o Município possui quatro delegacias, apenas uma especializada.

O prefeito solicitou ainda a antecipação do processo de recrutamento e seleção para aumentar o efetivo policial no Município. O aumento das ações para prevenir e combater a criminalidade foi considerado positivo pelo secretário César Nunes, que assegurou ampliar as ações de repressão à violência.

A presidente da Câmara de Vereadores, Luiza Maia (PT), também participou do encontro e garantiu apoio ao plano municipal. “O sucesso da ação depende da parceria de todos, Município, Estado e, principalmente, população”, declara Luiz Caetano.

Em reuniões realizadas entre administração e policias Militar, Civil e Rodoviária Estadual, a Prefeitura se comprometeu a disponibilizar mais carros, aumentar a cota de combustível, o auxilio-alimentação, doar celulares e contratar mais trabalhadores para o registro de ocorrência. Em contrapartida, a polícia intensifica as blitze, rondas e palestras educativas.

O Cofic (Comitê de Fomento Industrial de Camaçari) também é parceiro da ação. O órgão vai oferecer quatro veículos, equipamentos de comunicação, adequação do imóvel destinado à base avançada, treinamento do efetivo quanto à questão de segurança e meio ambiente para o projeto da Companhia Independente Especializada de Polícia Industrial, que vai atender as cidades de Camaçari, Candeias e Simões Filho.

CÂMERAS
O sistema de monitoramento por câmeras, previsto para ser instalado no final deste mês, deve ser inaugurado na segunda quinzena de maio. O atraso se deve à greve dos servidores da Receita Federal. Os 22 equipamentos de filmagem ficarão conectados à rede sem fio e de alta velocidade 24 horas na Central de Atendimento, localizada no 12º batalhão da Policia Militar.

As câmeras registram até 900 metros de distância e podem rodar, na horizontal, até 360 graus. Na vertical, o equipamento capta até 180 graus. Os primeiros equipamentos serão instalados em pontos estratégicos das entradas e saídas do Município, nos Phocs 1, 2 e 3 e no Centro. Os locais foram escolhidos por serem pontos de maior convergência. A intenção é auxiliar o trabalho dos policiais, ajudando ainda mais a eficiência do trabalho policial.

Foto: Agnaldo Silva

A vereadora Luiza Maia também participou da reunião -

Mais Notícias

Moradores do Condomínio Sabiás concluem curso de elétrica nesta quinta (20)

Moradores do Condomínio Sabiás concluem curso de elétrica nesta qui...

90 gestores participam de formação de utilização do Google Workspace

90 gestores participam de formação de utilização do Google Workspace

Com e-SUS indisponível Boletim Epidemiológico desta quinta (20) não será divulgado

Com e-SUS indisponível Boletim Epidemiológico desta quinta (20) não...

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.