Bolsa Família qualifica 802 beneficiários

ASCOM BOT
Publicado 12/08/2008 12:08:17

A partir de sexta-feira (15/08), 802 beneficiários do Bolsa Família de Camaçari vão receber correspondências do governo federal, informando sobre o programa de capacitação profissional na área de construção civil do plano setorial de qualificação (Planseq).

As famílias foram selecionadas pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), por meio de registros presentes no cadastro único para programas sociais. Cada família pode escolher para a qualificação um integrante que tenha idade acima de 18 anos e ensino fundamental I completo (1ª a 4ª série).

A pessoa escolhida deve se dirigir ao Posto de Atendimento do Trabalhador (PAT), com a carta do governo federal, carteira de identidade, número de inscrição social (NIS) e carteira de trabalho. Caso o indicado não tenha carteira profissional, tem de levar uma foto 3×4 para a confecção da mesma. Dentre os cursos oferecidos, todos na área de construção civil, estão os de pintor, azulejista, encanador, carpinteiro e pedreiro.

Do total de vagas, 30% serão voltadas para as mulheres. A qualificação tem carga horária de 200 horas/aulas e está dividida em dois módulos, um teórico com 80 horas e outro prático com 120 horas. Durante a segunda etapa do curso, os alunos serão contratados como ajudante, com piso salarial igual ao da categoria.

O local para a realização dos cursos, assim como transporte e lanche dos beneficiários, é de responsabilidade do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), uma vez que os recursos vêm do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e do Fundo de Amparo ao trabalhador (FAT).

O objetivo do Planseq é inserir, por meio da qualificação profissional, os beneficiários do Bolsa Família nas obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Além de aumentar as chances de emprego para a população. Ao todo, o Governo Federal vai investir R$ 145 milhões no programa, que vai beneficiar 13 regiões metropolitanas do país.

CRAS
Os centros de Referência de Assistência Social (Cras) de Camaçari também vão estar envolvidos na realização do programa, já que grande parte dos beneficiários do Bolsa Família é assistida pelos órgãos.

Cabe aos Cras mobilizar as famílias para participar do Plano Setorial de Qualificação, fornecer informações aos beneficiários, acompanhar as famílias inseridas no programa e articular com a rede de serviços sócio-assistenciais e demais políticas públicas.

PLANSEQ
O Planseq integra o Plano Nacional de Qualificação do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e será implementado, em Camaçari, através da parceria entre o MDS, o MTE, das secretarias municipais da Indústria, Comércio e Serviço (Seinc), de Segurança Alimentar e Benefícios Sociais (Seabes), Assistência Social (Seas) e do Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT).

Na Região Metropolitana de Salvador, 9.380 beneficiários serão capacitados. O diferencial do curso oferecido pelo Planseq é o fato de as pessoas qualificadas terem o emprego garantido antes mesmo de concluírem curso. As empresas que realizam as obras do PAC terão de contratar, obrigatoriamente, os integrantes do programa.

O membro familiar que participar da qualificação profissional, mesmo estando registrado no mercado formal, não deixará de receber o benefício do Bolsa Família. Em um período de dois anos será feita uma nova avaliação sócio-econômica da família.

Foto:

Mais Notícias

Fábrica Eliane passará por modernização em Camaçari

Fábrica Eliane passará por modernização em Camaçari

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 22 de Janeiro de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 22 de Janeiro de 2021

Incêndios lideram chamados na Defesa Civil em parcial do mês de janeiro

Incêndios lideram chamados na Defesa Civil em parcial do mês de jan...

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.