Sefaz presta contas do 1º quadrimestre de 2020

ASCOM
Publicado 29/05/2020 01:05:17

Para prestar contas referentes ao 1º quadrimestre de 2020, o secretário da Fazenda, Joaquim Bahia participou da Audiência Pública virtual da Câmara de Vereadores, nesta sexta-feira (29/5). Na oportunidade, foi feita uma avaliação positiva do período, com demonstração de preocupação com os meses seguintes do ano, por conta da pandemia do novo coronavírus.

O secretário Joaquim Bahia falou sobre a expectativa de desempenho da arrecadação para o ano de 2020 que era boa e apontou os números dos primeiros meses, “começamos assim, nos meses de janeiro, fevereiro e março, até a o início da pandemia. Estávamos com uma arrecadação acima da inflação”, pontuou o secretário Joaquim Bahia. Ele destacou ainda que “os números do 1º quadrimestre não são tão assustadores porque pegamos os três meses sem pandemia, praticamente, e o mês que tem o isolamento muito mais forte se refletirá no mês de maio e não pega o quadrimestre”.

Dentre os dados apresentados pelo titular da pasta da Fazenda estão os desempenhos positivos em diversas receitas próprias, comparado ao ano de 2019. Como a arrecadação de Receitas Correntes, que a previsão anual era de cerca de R$ 1,4 bilhão, já foi executado 31,8%, o que significa R$ 444.747,00 e um aumento de 3,47% em relação ao último ano. Além de pontuar a preocupação com a receita do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) que tem um peso importante na arrecadação e teve um repasse de 119 milhões, que equivale a cerca de 25% da verba total, quando o ideal é 35%, “só no mês de abril recebemos R$ 15 milhões a menos que abril do ano passado”.

As despesas ocorreram dentro da previsão do orçamento, com de cerca de um terço do valor. O secretário, Joaquim Bahia, explicou que estão sendo revistas a partir do segundo quadrimestre. Garantindo as prioridades estabelecidas, a partir da determinação do prefeito Elinaldo Araújo, com a saúde, a assistência social e a manutenção dos serviços básicos à população.

A audiência pública foi realizada sob a coordenação da Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara, presidida pelo vereador Zé do Pão. O secretário da Fazenda ainda respondeu questionamentos dos vereadores, como sobre as medidas para evitar o colapso econômico com a redução de despesas em várias frentes, estabelecimento de prioridade e acompanhamento diário das despesas e receitas. Além de esclarecer que as obras de investimento continuarão a serem realizadas e estão dentro do planejamento. Na oportunidade, ainda foram apresentados os indicadores e o resultado primário.

Mais Notícias

Matrícula para novos alunos da Casa da Criança terá início dia 15

Matrícula para novos alunos da Casa da Criança terá início dia 15

Defesa Civil inicia a Operação Chuva

Defesa Civil inicia a Operação Chuva

Prefeitura publica Decreto que mantém medidas restritivas até dia 8 de março

Prefeitura publica Decreto que mantém medidas restritivas até dia 8...

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.