Seduc presta contas em Audiência Pública na Câmara de Camaçari

ASCOM
Publicado 16/10/2018 02:10:41
Foto: Tiago Pacheco

Audiência pública de prestação de contas do 2° Quadrimestre de 2018 - Foto: Tiago Pacheco

Atendendo as exigências da Lei de Diretrizes e Bases (LDB) da Educação Nacional, a Secretaria de Educação (Seduc), prestou contas do 2° Quadrimestre de 2018, em uma audiência pública, realizada na manhã desta terça-feira (16/10), na Câmara de Vereadores. As despesas, receitas, investimentos e projetos da pasta foram apresentados à plenária composta por populares e educadores.

A secretária, Neurilene Martins, iniciou a apresentação avaliando positivamente os 600 dias de trabalho da Seduc, fruto do esforço do governo em atender todas as metas do Plano Nacional da Educação (PNE), com prazo para vencer em 2024. “Essa é a quinta audiência que realizamos nesses quase 2 anos de gestão e estamos em uma crescente. É através desse momento, que a população monitora as nossas ações e participa do processo de construção de um ensino público de melhor qualidade”, pontuou.

Foto: Tiago Pacheco

Audiência pública de prestação de contas do 2° Quadrimestre de 2018 - Foto: Tiago Pacheco

Dentre as ações mais expressivas da pasta municipal, a gestora destacou a entrega de fardamentos, o cuidado com a alimentação escolar, a valorização dos desfiles cívicos e projetos como o Matemática Mais e Melhor. “Firmamos uma parceria com a editora Moderna e a Prose7e (Projetos, Soluções e Tecnologias Educacionais) com o objetivo de ampliar os horizontes dos nossos estudantes, para que se interessem mais pelos estudos, além de qualificar nossos profissionais para que ensinem de forma mais interativa e atual”.

O custo para manutenção das 6 creches e pré-escolas, que serão construídas a partir de recursos próprios e do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), também foi pautado durante a audiência. Para aparelhar as unidades, com previsão de conclusão das obras em 8 meses, será investido R$ 2,5 milhões e mais R$ 100 mil por mês para recursos humanos, até que seja realizado o senso do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e o município receba verba do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (FUNDEB).

Ainda de acordo com a secretária, o executivo municipal está trabalhando não apenas para equipar a educação, a exemplo dos R$ 3 milhões aplicados na compra do kit de língua portuguesa e matemática, como também na regularização do reajuste dos professores.

Mais Notícias

Camaçari publica decreto com restrições para o fim de semana

Camaçari publica decreto com restrições para o fim de semana

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 26 de fevereiro de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 26 de fevereiro de 2021

Ação de fiscalização no combate à Covid é intensificada pela Sedur e STT

Ação de fiscalização no combate à Covid é intensificada pela Sedur ...

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.