Saúde quer vacinar homens contra rubéola

ASCOM BOT
Publicado 11/08/2008 09:08:23

Mais de 17 mil crianças e adultos já foram vacinados em Camaçari, contra paralisia infantil e rubéola. Batizada de vacinação familiar, a campanha quer imunizar o total de 20.182 meninos e meninas até cinco anos de idade e 78 mil adultos de 20 a 39 anos, contra a rubéola.

De acordo com a coordenadora de Vigilância Epidemiológica do Município, Aline Sacramento, é preciso que todos, crianças e pais, se imunizem para evitar as doenças. “Os meninos são o incentivo para conduzir os pais aos postos de saúde e motivá-los a participar da iniciativa”.

A vacinação foi o programa de sábado (09/08) para a família do pequeno Mateus Valverde, 3 anos. “Não descuidamos das vacinas do nosso filho. Mas precisamos cuidar da nossa saúde também, por isso vamos tomar a vacina contra a rubéola”, garantiu a mãe Adriana dos Santos. No dia D, foram colocados à disposição da comunidade 53 postos fixos e 50 volantes.

A vacina contra poliomielite não tem contra-indicações. Apenas em casos de doenças graves a criança não deve tomar a gotinha. Os pais devem levar a caderneta e, mesmo que esteja atrasada, o pequeno deve tomar a nova dose. Os que foram imunizados em junho também devem ser vacinados. A segunda etapa termina dia 16 de agosto.

RUBÉOLA
Apesar da campanha contra a rubéola ter como alvo os homens, poucos compareceram aos postos de saúde. Até sábado (09/08), apenas 3.346 foram imunizados. O operador de máquinas José Rodrigues Silva foi uma das exceções. “Acho importante participar até para incentivar outras pessoas. A imunização e importante para as crianças e para nos”.

A campanha contra a rubéola segue até 12 de setembro e foi intensificada devido ao grande número de pessoas infectadas em 2007. De acordo com o Ministério da Saúde, foram 8.684 casos de rubéola, sendo que 70% das vítimas são homens.

A coordenadora de Vigilância Epidemiológica explica que a maior preocupação é o contágio durante a gestação, uma vez que a doença provoca má formação no feto, podendo causar surdez, cegueira ou glaucoma.

Foto: Marina Silva

O operador José Rodrigues se vacinou e levou a família -

Mais Notícias

Camaçari publica decreto com restrições para o fim de semana

Camaçari publica decreto com restrições para o fim de semana

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 26 de fevereiro de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 26 de fevereiro de 2021

Ação de fiscalização no combate à Covid é intensificada pela Sedur e STT

Ação de fiscalização no combate à Covid é intensificada pela Sedur ...

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.