Professores precisam tomar uma decisão

Iwwa Agência
Publicado 28/05/2010 04:05:10

Os professores da rede pública municipal de Camaçari têm até a próxima semana para definir sobre a proposta de reajuste salarial apresentada pela Prefeitura Municipal.

Caso contrário, não haverá condições de a administração aprovar qualquer medida antes do mês de agosto, devido ao recesso parlamentar, uma vez que a proposta salarial necessita de aprovação pela Câmara Municipal.

A questão foi colocada (28/05) para a comissão do Sispec (Sindicato dos Professores de Camaçari), durante a reunião de negociação da campanha salarial. No encontro, a Prefeitura manteve a proposta apresentada na última reunião e o Sindicato, por sua vez, ficou de levar o resultado da negociação à assembléia da categoria, marcada para ocorrer na segunda-feira (31/05).

O Município propõe reajuste linear de 12% para todos os professores a partir do dia 1º de maio, o que representa um ganho real de 6,7%. A Prefeitura oferece ainda auxílio alimentação de R$ 7,00 e recomposição do auxílio transporte de acordo com a variação do custo do deslocamento, ou seja, será aplicado o percentual proporcional ao reajuste da tarifa do transporte municipal e intermunicipal, de acordo com a necessidade do profissional.

Além disso, a administração municipal se propõe a fazer a análise do PCCV (Plano de Cargos, Carreira e Vencimentos), para verificar o que foi implantado e o que ainda falta implementar.

Também se dispõe a criar uma comissão tripartite com representantes do Sispec e das secretarias da Educação (Seduc) e da Administração (Secad) para resolver pendências individuais. A Prefeitura apresentou a proposta de mudança da data base de negociação para o primeiro trimestre de cada ano. O mês ficaria a critério da categoria.

Foto: Carol Garcia

Prefeitura realizou diversas reuniões com a categoria -

Mais Notícias

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 11 de abril de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 11 de abril de 2021

Camaforró 2021 é cancelado por conta de nova onda do novo coronavírus

Camaforró 2021 é cancelado por conta de nova onda do novo coronavírus

Decreto prorroga medidas restritivas e suspende desfiles cívicos

Decreto prorroga medidas restritivas e suspende desfiles cívicos

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.