Prefeitura mantém o ensino médio nas escolas da orla

Iwwa Agência
Publicado 09/06/2008 12:06:47

Em Camaçari, a educação de qualidade oferecida pela Prefeitura é garantida também aos alunos do ensino médio da orla. Apesar de ser competência do Estado, regulamentada pela Lei 9.394/96, que dispõe sobre as Diretrizes e Bases da Educação Nacional, o Município assumiu a oferta de ensino regular nos três turnos para os discentes do segundo grau.

Atualmente, 3.800 pessoas são beneficiadas. Das sete escolas que atendem o ensino médio na orla, três já passaram por ampla reforma e ampliação. As demais passam por intervenções.

Entre 2005 e 2006, as escolas municipais Catu de Abrantes, Thomaz Camilo e Amélia Rodrigues ganharam paisagismo, laboratório de informática, novas salas de aula, refeitório, biblioteca, auditório, nova instalação elétrica, telhado termoacústico, rampas de acesso e banheiros adaptados para portadores de necessidades especiais, mais reforma da quadra poliesportiva (com exceção da primeira escola, que não usufrui dessa estrutura). O investimento foi superior a R$ 3,5 milhões.

Outros investimentos em infra-estrutura ainda são realizados. Estão em andamento as obras de ampliação das escolas municipais Américo Ferreira dos Santos, Lídia Coelho Pinto, Tancredo Neves e Marquês de Abrantes. Todas obedecem ao mesmo padrão das anteriores e vão ganhar nova biblioteca, depósitos, mini-quadra, banheiros adaptados para portadores de necessidades especiais, pintura geral, telhado metálico, cerâmica interna e externa, além de piso de alta resistência.

As escolas Américo Ferreira, Lídia Coelho e Tancredo Neves estão previstas para serem entregues no final deste mês. A obra da escola Marquês de Abrantes termina ainda este ano. Os investimentos nessas unidades de ensino somam cerca de R$ 3,4 milhões.

PEDAGOGIA
As intervenções não se restringem apenas à infra-estrutura. Foi adquirido acervo literário próprio para o ensino médio e garantida merenda escolar de qualidade a todos os alunos. Um cardápio balanceado e com alto valor nutritivo é servido diariamente graças à capacitação das merendeiras. À merenda escolar foram incorporados novos alimentos, como sopas, bebidas lácteas, peixes, frutas, verduras, sucos, mingaus, iogurtes, achocolatados, carnes, entre outros.

Diferentemente de gestões anteriores, agora a merenda escolar atende as exigências do Fundo Nacional para Educação Básica (FNDE). Em três anos, a Prefeitura investiu mais de R$ 3,38 milhões na alimentação, valor que representa 67,87% da verba repassada pelo governo federal.

Outro estímulo à educação é o transporte gratuito. Os alunos e professores do ensino médio contam com veículos para deslocamento até a escola. São 27 ônibus para transporte escolar dos discentes e mais dois reservados aos docentes.

INFORMÁTICA E TECONOLOGIA
O processo de inclusão digital iniciado em 2005 beneficia estudantes e professores com modernos equipamentos e laboratórios. As sete unidades educacionais ganharam experimentoteca e laboratórios de informática (com um total de 85 computadores) mais acesso a internet.

As escolas Catu de Abrantes, Tancredo Neves e Thomaz Camilo ainda tiveram laboratório de matemática. Como resultado dos investimentos, Camaçari teve 20 alunos do ensino médio aprovados em vestibulares do Estado.

Mais 178 professores do quadro efetivo, que estão em regência de classe na orla, foram contemplados com a doação, sem nenhum ônus, de computadores. Além de receber as máquinas, passaram por capacitação em diversas áreas com formação continuada, inclusive certificação internacional em robótica.

A democratização da Internet vai permitir que os alunos aprendam mais rápido e entendam o funcionamento dos sistemas operacionais Windows e Linux, além de programas como Word e Excel. De acordo com a Seduc, em três anos, a Prefeitura entregou 790 computadores para laboratórios de 87 escolas da sede e orla de Camaçari e 1.100 máquinas aos docentes municipais.

Foto: Arquivo

Equipamentos melhoram ensino em Catu de Abrantes -

Mais Notícias

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 16 de abril de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 16 de abril de 2021

Sedur realiza ação de desocupação em área de preservação ambiental

Sedur realiza ação de desocupação em área de preservação ambiental

Vacinação da primeira dose contra a Covid-19 retorna em Camaçari

Vacinação da primeira dose contra a Covid-19 retorna em Camaçari

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.