Macas ficam retidas no HGC e paralisa serviço

ASCOM BOT
Publicado 25/07/2018 10:07:53

A Secretaria de Saúde de Camaçari (Sesau) informa que o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) ficou prejudicado por mais de 48h, desde o final de tarde do domingo (22/7), até às 23h desta terça-feira (24/7), devido às macas das quatro ambulâncias terem ficado retidas no Hospital Geral de Camaçari (HGC). O serviço só voltou ao normal, por completo, na manhã desta quarta-feira (25/7), quando todas as macas foram liberadas.

Essa não é a primeira vez que o HGC retém as macas das ambulâncias do SAMU, por falta de leitos na unidade estadual, e prejudica o serviço de urgência e emergência. “É necessário que o governo do Estado resolva essa situação do HGC ficar retendo as macas das ambulâncias, pois um serviço como o SAMU não pode ficar prejudicado por falta de leitos no hospital”, explica Elias Natan, secretário de Saúde de Camaçari.

A Sesau informa que tem feito todos os esforços possíveis para garantir a funcionalidade integral do SAMU e que vem dialogando com a direção do HGC em busca de uma solução para o problema.

Foto: Divulgação

Por falta de leitos o serviço de urgência e emergência era prejudicado -

Mais Notícias

Com participação de Elinaldo em reunião, governador decide ampliar medidas restritivas em toda RMS

Com participação de Elinaldo em reunião, governador decide ampliar ...

Nota de pesar pelo falecimento de Ubiramar de Araújo

Nota de pesar pelo falecimento de Ubiramar de Araújo

Governo se reúne com vereadores e segmento empresarial

Governo se reúne com vereadores e segmento empresarial

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.