Grupo discute segurança e melhores condições de mobilidade da Estrada do Coco

ASCOM
Publicado 23/01/2019 01:01:27

A segurança viária e as condições de mobilidade e desenvolvimento da BA-099 (Estrada do Coco), ao longo da Costa de Camaçari, foram o tema de uma reunião realizada nesta terça-feira (22/01), entre a Prefeitura de Camaçari, a Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba) e a Concessionária Litoral Norte (CLN). Na pauta, a regularização de acessos, a formulação de plano de redução de acidentes, ações de ordenamento e política de ocupação ao longo da faixa de domínio da via.

O encontro, realizado na sala de reuniões da Secretaria de Governo, reuniu o secretário de Turismo, Gilvan Souza, de Desenvolvimento Urbano, Genival Seixas, o superintendente de Trânsito e Transporte Público, Coronel Alfredo Castro, o Assessor Técnico da Agerba, José Alberto Delgado, e o diretor superintendente da CLN, Guilherme Hupsel. O diálogo faz parte do plano de governo do prefeito Elinaldo Araújo, para garantir a atração de investimentos na região da orla e possibilitar a instalação de novos equipamentos públicos, a exemplo do Mercado Municipal de Vila de Abrantes.

Na oportunidade, o secretário de Turismo, Gilvan Souza, apresentou o projeto de construção de um mercado municipal de comercialização de frutos do mar e pediu atenção para a questão dos animais soltos na rodovia. “Precisamos de um esforço coletivo para ordenar e dar condições de segurança para os usuários da via que é o principal acesso para a Costa de Camaçari. Essas ações precisam se estender também para as comunidades ao longo da via, com destaque para Mutirão e Malícia, que demandam um olhar mais urgente e diferenciado”.

Além de proporcionar segurança na via, a elaboração de ações conjuntas vai auxiliar na melhoria dos acessos e facilitar a instalação de novos empreendimentos. “É a primeira vez que temos uma gestão com esse alinhamento e abordagem específica para tratar sobre esses assuntos”, afirma o representante da Agerba, José Delgado. A opinião é compartilhada pelo diretor da CLN, Henrique Hupsel. “Discutimos hoje vários temas de interesse dos usuários e vamos trabalhar em parceria com a Prefeitura para buscar soluções que atendam a segurança e desenvolvimento da região”.

O titular da Sedur, Genival Seixas, defende que os direitos dos usuários da rodovia estejam alinhados com os deveres, conscientizando a população para que entenda as consequências de infringir as normas municipais e a política de concessão da concessionária. “Sem regularização, sem ordenamento, ficamos no caos. Estamos buscando o ordenamento de toda nossa orla para garantir as condições de segurança e preservar vidas”, explica Genival.

Slideshow | 4 fotos

Grupo discute segurança e melhores condições de mobilidade da Estrada do Coco

Mais Notícias

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 1º de março de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 1º de março de 2021

Camaçari fecha 2020 com superávit de R$ 61 Milhões

Camaçari fecha 2020 com superávit de R$ 61 Milhões

Secult oferta atendimento para comunidades da costa e zona rural

Secult oferta atendimento para comunidades da costa e zona rural

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.