Fórum debate em Camaçari turismo e inclusão social

Iwwa Agência
Publicado 17/07/2008 01:07:03

O turismo como importante ferramenta de inclusão social e desenvolvimento sustentável é debatido até sábado (19/07), durante o 2º Fórum Comunidades e Turismo, no Resort Vila Galé, em Guarajuba.

Com o tema “Ciclo Cultural do Coco”, o encontro discute formas de estimular a produção artesanal e oferecer alternativas para desenvolver economicamente a população, aproximando os fornecedores locais dos representantes de hotéis da região.

Um dos palestrantes desta quinta-feira (17/07), o secretário de Turismo do Estado, Domingos Leonelli, destacou que a associação da produção do coco ao turismo incrementa a cadeia produtiva na região, maior produtora do fruto no país.

Produzido em larga escala em Camaçari, o coco estimula a economia e o desenvolvimento de atividades que beneficiam artesões, micro e pequenos produtores. É com os produtos que fabrica a partir das partes da fruta que a artesã Eliana Bispo dos Santos sustenta a família. “Com o coco faço concha, colher de pau, brincos, colares e anéis”.

O fruto também é a principal fonte de renda para o artesão Geraldo Bispo Filho. “Descobri há 15 anos a importância do coco. Hoje sei que posso aproveitar tudo, desde a casca até a polpa”. Cerca de 200 produtores cadastrados na Secretaria de Agricultura e Pesca de Camaçari também vivem com a renda adquirida através da comercialização do coco e derivados.

Com a fruta podem ser fabricados substratos agrícolas, capachos, brochas, escovas, estofamentos e tecidos grossos para sacos. Da polpa madura pode extrair o leite, coco ralado, farelo e o óleo, que é usado na alimentação e na fabricação de sabão, cosméticos e detergentes.

PROGRAMAÇÃO
No segundo dia, a programação começa às 8h30 com palestra sobre “Coco – Perspectivas no Beneficiamento da Casca”. Além dos seminários, o evento reúne estandes para rodadas de negócios e exposição de produtos.

O 2º Fórum de Comunidades e Turismo é promovido pelo International Trade Centre, Instituto Imbassaí, Embrapa, Cluster de Turismo da Costa dos Coqueiros.

SEXTA – FEIRA – (18 /07)
8h30 Coco – Perspectivas no Beneficiamento da Casca – Fernando Florence, engenheiro agrônomo/consultor
9h Sistemas Sustentáveis de Produção de Coco – Humberto Rollemberg Fontes, Embrapa
10h Nutrição e Adubação do Coqueiro – Lafayette Franco Sobral, Embrapa
11h Intervalo coffee break
11h30 Manejo Fitossanitário da Cultura do Coqueiro – Joana Ferreira dos Santos, Embrapa
13h Intervalo Almoço
14h Aproveitamento da Fibra de Coco Seco – Maria Urbana Nunes, Embrapa
14h30 Aproveitamento da Fibra de Coco – Maria Urbana Nunes, Embrapa
15h30 Potencial das Fibras Naturais para a Produção de Nanocompósitos
via Extrusão e Injeção – O caso da Fibra de Coco – professor Alcides Lopes Leão (PhD.) UNESP
16h30 Intervalo coffee break
17h Sistemas Simplificados de Esgotamentos Sanitários – Paulo Rusky, Sucab
17h30 Debate com público presente
18h Encerramento – Márcio Tavares Barreiros, presidente do Cluster de Turismo

SÁBADO – 19 /07
8h Visita técnica em produção local – Manejo da Cultura e Controle Técnicos da Embrapa

Mais Notícias

Sedes estimula doação de sangue para reforçar estoque do Hemoba

Sedes estimula doação de sangue para reforçar estoque do Hemoba

Reunião discute parâmetros para retomada das aulas presenciais

Reunião discute parâmetros para retomada das aulas presenciais

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 17 de maio de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 17 de maio de 2021

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.