Cestas de Páscoa são entregues nas localidades mais distantes nesse domingo (5)

ASCOM
Publicado 05/04/2020 04:04:40

De forma prudente, de porta em porta e sem causar aglomerações, em decorrência da pandemia da Covid-19, segue a entrega das Cestas de Páscoa. Realizada pela Prefeitura de Camaçari, por intermédio da Secretaria do Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes), neste domingo (5/4), terceiro dia de distribuição, a logística de entrega beneficiou os moradores residentes nas comunidades mais distantes do município.

A secretária Andréa Montenegro, que acompanha de perto o processo, fez um balanço positivo dos primeiros dias de distribuição. “A população tá entendendo e levando em consideração esse momento tão delicado de pandemia que estamos vivendo”, falou a titular da pasta ao reforçar que todos os beneficiários, que atendem aos critérios estabelecidos e são assistidos pelos programas socioassistenciais de âmbito federal e municipal, devem aguardar em suas residências pela chegada do kit contendo os alimentos.

“Todos os dias e de forma gradativa, até que todos sejam contemplados, seguiremos fazendo a distribuição. Estamos trabalhando para que ninguém fique desassistido e, sobretudo, para garantir a segurança e preservar o bem-estar de todos”, concluiu.

A Sedes informa que quem tem o cupom precisa entregá-lo na hora do recebimento. No entanto, quem não tem não precisa ficar preocupado, pois os dados cadastrais serão conferidos na hora, via sistema, e o beneficio será liberado para quem tem direito.

A Cesta de Páscoa é composta por nove itens, são eles: um quilo de açúcar branco, de arroz parboilizado, farinha de mandioca, sal e de feijão carioca, além de um pacote de quinhentos gramas de feijão fradinho, uma garrafa de leite de coco e de azeite de dendê. E o item principal, o peixe, que é do tipo corvina, e deve pesar aproximadamente, quatro quilos. O intuito é garantir uma refeição mais farta e digna à população carente.

Na localidade conhecida como Rancho Alegre, em Arembepe, a moradora Edvânia dos Santos, 45 anos, falou que receber os alimentos representa muito na vida dela. “A vida tá difícil e, como se não bastasse, veio essa doença pra assustar a gente. A Cesta de Páscoa chega como um alento pra quem mais precisa”, ressaltou emocionada a dona de casa.

Em Sucupira, localidade de Vila de Abrantes, Jucimara dos Santos, 35 anos, gostou da estratégia da prefeitura para entregar os alimentos em casa. “Além de evitar que a gente, que mora mais distante, se desloque, impede que a doença se propague. Deus abençoe a todos os envolvidos”, falou agradecida a agricultora.

A dinâmica de entrega das cestas segue as orientações concedidas pela Secretaria da Saúde (Sesau) e do Ministério Público da Bahia (MP-BA) e conta com suporte da polícia militar. As equipes de trabalho estão devidamente identificadas com camisas com a logomarca da prefeitura, além de estarem usando os Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s).

Mais Notícias

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 7 de maio de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 7 de maio de 2021

Vacinação contra Covid continua neste sábado e avança de faixa etária

Vacinação contra Covid continua neste sábado e avança de faixa etária

Sedap faz nova entrega de sementes e adubos na zona rural

Sedap faz nova entrega de sementes e adubos na zona rural

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.