Camaçari ganha associação de baianas de acarajé

ASCOM BOT
Publicado 05/11/2008 07:11:42

As baianas de acarajé de Camaçari já têm um grupo representativo. A diretoria foi eleita e empossada durante assembléia realizada na Casa do Trabalho.

O grupo, que irá centralizar e encaminhar as demandas da categoria é composto por doze integrantes e tem um mandato de quatro anos.

Na assembléia também foi aprovado o estatuto da Associação das Baianas de Acarajé de Camaçari (Abanc) e discutida a construção de uma sede. A solicitação de espaço para funcionamento da entidade integra uma pauta de reivindicações que deve ser entregue em breve para a Prefeitura Municipal.

Entre as propostas apresentadas pela diretoria das baianas de acarajé, as mais defendidas são a criação de uma cooperativa para fornecimento mais barato da matéria-prima do acarajé e legalização da profissão junto ao INSS (Instituto Nacional de Seguridade Social) do Município.

Empossada primeira presidente da Associação de Baianas de Acarajé de Camaçari, Claudenise Carvalho Santos afirma que a entidade fortalece e respalda as profissionais. “Temos muitas baianas que exerceram a profissão por mais de 40 anos e hoje, por razão da idade ou doença, estão impossibilitadas de trabalhar. Muitas famílias são sustentadas com esse trabalho e essas pessoas precisam de amparo. Com a Abanc ficará mais fácil garantir os direitos do trabalhador”.

Participaram da assembléia os secretários municipais dos Serviços Públicos (Sesp) Eduardo Magalhães, da Mulher, Aurenita Castillo, da Indústria, Comércio e Serviços (Seinc) Djalma Machado, mais as coordenadoras municipais da Reparação Racial, Ivonete Mota, e do Curso de Qualificação Profissional de Baianas de Acarajé, Ana Clécia Pereira.

Também marcaram presença o vereador eleito, José Marcelino Filho, o presidente da União Cultural dos Sacerdotes Afro de Camaçari, Vicente Moreira, e o coordenador da União de Negos do Município (Unegro), Adailton Fininho.

Foto: Nelinho Oliveira

A quituteira Claudenise Santos comanda a Abanc até 2012 -

Mais Notícias

Escuta especializada está suspensa em Camaçari

Escuta especializada está suspensa em Camaçari

Prefeitura continua entregando benefícios sociais

Prefeitura continua entregando benefícios sociais

Moradores do bloco 19 do conjunto Lucaia voltam a ocupar imóveis

Moradores do bloco 19 do conjunto Lucaia voltam a ocupar imóveis

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.