Camaçari deve aderir ao programa federal

ASCOM BOT
Publicado 13/08/2015 02:08:28

Camaçari é a aposta do Ministério da Cultura para servir de modelo na adesão ao programa federal Vale-Cultura. Na quarta-feira (13/08), a gerente de mobilização da representação regional Bahia e Sergipe do Ministério da Cultura, Tininha Llanos, esteve no Município para apresentar a proposta ao secretário da Cultura, Vital Vasconcelos.

De acordo com Tininha Llanos, Camaçari foi escolhida pelo Ministério da Cultura por ser uma cidade em crescente desenvolvimento econômico e cultural, ter um Polo Industrial, estar na Região Metropolitana e ser uma cidade turística. “Aqui tem tudo para ser uma cidade polo de incentivo cultural, incluindo todos os aspectos necessários para que o programa ganhe adesão”, disse.   

O Vale-Cultura é um benefício no valor de R$ 50, concedido por meio de um cartão magnético pré-pago para trabalhadores das empresas que fizerem adesão ao programa e recebam até cinco salários mínimos. Com o valor, que é cumulativo, os trabalhadores podem comprar ingressos de teatro, cinema, livros ou pagar mensalidades de cursos de audiovisual, dança, fotografia, dentre outros. Em contrapartida, as empresas recebem incentivos fiscais.

A previsão é que no dia 14 de setembro, representantes e técnicos do Ministério da Cultura estejam em Camaçari para uma reunião com o Cofic (Comitê de Fomento Industrial de Camaçari). O intuito é apresentar o programa ao Conselho do Comitê. No mesmo dia, o programa será apresentado aos representantes das classes comerciais e empresariais. As apresentações contarão com a presença de representantes da Prefeitura.

Caso as empresas do Polo façam adesão ao Programa, a previsão é que o comércio local seja aquecido, uma vez que o crédito pode ser usado em lojas do Município. A representante do Ministério, Tininha Llanos, informou que é essencial a parceria com a Prefeitura para obter êxito no processo. Desta forma, segundo ela, ganham os funcionários das empresas, que em grande maioria mora na cidade, o comércio local e cidade com o fomento da cultura.

O secretário da Cultura, Vital Vasconcelos falou com alegria do fato de Camaçari ter sido escolhida. “Isso mostra que o trabalho desenvolvido na cidade está ganhando repercussão”, disse, ao destacar que a indicação é também fruto da adesão de Camaçari ao Pacto Nacional de Cultura.

Participaram do encontro o presidente da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) de Camaçari, Luciano Sacramento, além de assessores da Sedec (Secretaria do Desenvolvimento Econômico) e da Secult (Secretaria da Cultura). 

Slideshow | 2 fotos

Camaçari deve aderir ao programa federal

Mais Notícias

Escuta especializada está suspensa em Camaçari

Escuta especializada está suspensa em Camaçari

Prefeitura continua entregando benefícios sociais

Prefeitura continua entregando benefícios sociais

Moradores do bloco 19 do conjunto Lucaia voltam a ocupar imóveis

Moradores do bloco 19 do conjunto Lucaia voltam a ocupar imóveis

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.