Camaçari ampliará leitos de UTI Covid e reativará CIEC

ASCOM
Publicado 17/02/2021 03:02:53

Sem medir esforços desde o início da pandemia do novo coronavírus em março de 2020, o prefeito, Elinaldo Araújo, autorizou o secretário da Saúde, Elias Natan, a ampliar de 10 para 15 os leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Covid-19 contratados junto ao Hospital Santa Helena. As novas vagas estarão à disposição nesta sexta-feira (19/2).

A administração pública informa que será aberto um chamamento público para reabertura do Centro Intermediário de Enfrentamento ao Coronavírus (CIEC), nesta quarta-feira (17/2). O espaço terá 20 leitos clínicos para pacientes com o vírus. Outra novidade é a construção de um termo de credenciamento para contratação de mais 15 leitos Covid-19, sendo cinco de UTIs e 10 clínicos.

Diferente de quando foi aberto em 2020, o CIEC também fará atendimento de porta aberta aos pacientes sintomáticos da Covid-19. A medida é mais uma estratégia adotada para desafogar o atendimento nas Unidades de Pronto Atendimento.

Focado no enfrentamento ao novo coronavírus, o chefe do Executivo garante que continuará sem medir esforços para ajudar a população. “O sistema de saúde está tendo problemas em todo país por causa do aumento de casos do novo coronavírus. A falta de leitos para transferir os pacientes que estão em UPAs e PAs é o problema maior. O que também acontece em Camaçari, que por falta de leitos de referência no Estado, temos pacientes internados na UPA aguardando uma transferência há mais de 10 dias. Vendo essa deficiência, tomamos a decisão de investir na reabertura do CIEC e na ampliação de leitos UTI e clínicos para dar suporte à população”, disse Elinaldo.

Com a concretização do termo de credenciamento e do chamamento público, Camaçari saltará dos atuais 10 leitos de UTI Covid para 20 UTIs e 30 leitos clínicos. “Esse esforço só terá efeito se a população também fizer sua parte, usando máscara, álcool em gel e mantendo o distanciamento social. Sem essas medidas não há sistema de saúde que suporte. Até os hospitais particulares estão com problemas de lotação de leitos. Garanto que faremos sempre todo o possível para dar suporte à população, mas peço que as pessoas coloquem em prática as medidas preventivas, pois, somente elas poderão ajudar a vencer a pandemia”, ressaltou o secretário da Saúde, Elias Natan.

Após passar a pandemia, os cinco leitos de UTI e os 10 leitos clínicos contratados através de termo de credenciamento, junto a Santa Helena, continuarão atendendo a população, porém, como leitos de retaguarda. “Com o fechamento da urgência e emergência do HGC, precisamos garantir leitos de retaguarda para que os pacientes que são recebidos nas UPAs e PAs fiquem internados enquanto são transferidos para um hospital de referência. Com isso, ficarão sempre livres para receber paciente e evitam a superlotação das unidades de urgência e emergência. Esse é outro grande avanço na saúde pública de nossa cidade”, destacou Natan.

Mais Notícias

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 16 de abril de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 16 de abril de 2021

Sedur realiza ação de desocupação em área de preservação ambiental

Sedur realiza ação de desocupação em área de preservação ambiental

Vacinação da primeira dose contra a Covid-19 retorna em Camaçari

Vacinação da primeira dose contra a Covid-19 retorna em Camaçari

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.