Ação da Prefeitura protege barracas da ressaca

ASCOM BOT
Publicado 08/05/2008 05:05:36

A ressaca marítima, fenômeno natural provocado pelo refluxo das ondas, tem impossibilitado o trabalho de barraqueiros da praia de Guarajuba. A Prefeitura já tomou as providências emergenciais, através da Defesa Civil e da Secretaria de Infra-Estrutura (Seinfra), ouvindo os barraqueiros e buscando agir de forma rápida e eficaz.

A maré tomou o espaço utilizado para colocação de mesas e cadeiras e algumas barracas beiram o desabamento. Após identificação do problema pela Prefeitura, uma empreiteira foi contratada e levou, nesta quinta-feira (08/05), cinco mil sacas para contenção temporária da força do mar, com o trabalho de 25 homens. A barreira de sacas é a forma mais rápida de proteger os quiosques da destruição.

A invasão do mar em Guarajuba deixou os barraqueiros preocupados. Maria São Pedro, 50 anos, trabalha no local há 15 anos e está preocupada com a situação da barraca. “Aqui é o lugar que eu ganho o pão de cada dia”.

Anilton Maximo, 54 anos, mantém a barraca há 32 anos e diz se espantado com a força da natureza. “Nunca vi coisa igual, é a primeira vez que vejo isso aqui”. Justino Gonzaga detém um quiosque em Guarajuba há 25 anos, ele acredita que a solução é recuar as barracas e elogia a ação da Prefeitura. “Nosso prefeito teve personalidade”.

Segundo José Roberto, coordenador da Orla pela Seinfra, a ação imediata dará tempo à secretaria desenvolver um projeto com o enrocamento de pedra.

Mais Notícias

Vence dia 20 o pagamento com desconto da cota única do IPTU

Vence dia 20 o pagamento com desconto da cota única do IPTU

Sesp reforça higienização de espaços públicos abertos em Camaçari

Sesp reforça higienização de espaços públicos abertos em Camaçari

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 24 de fevereiro de 2021

Boletim Epidemiológico de Camaçari – 24 de fevereiro de 2021

Pressione enter para começar a busca ou Esc para fechar a janela.